Tenho chances no concurso PF? ferramenta gratuita traz reposta!

Tenho chances no concurso PF? Ferramenta gratuita da EduQC traz respostas. Conheça!

13/10/2020 20:19 | Atualizado: 13/10/2020 21:00

Por: Letícia Santos

13/10/2020 20:19 | Atualizado: 13/10/2020 21:00 - Por: Letícia Santos

Quer saber quais são suas chances de aprovação para o cargo de agente do concurso PF? A nova campanha realizada pela EduQC, em parceria com a Folha Dirigida, vai te ajudar nessa questão.

O concurso PF atrai a atenção de muitos candidatos. E, ao que tudo indica, o edital deve ser publicado ainda este ano. Portanto, quem quer garantir uma vaga precisa estar bem preparado. Pensando nisso, EduQC e Folha Dirigida estão com uma parceria que vai ajudar os concorrentes a entenderem melhor como está a preparação.

Os candidatos interessados em avaliar o seu nível de conhecimento para a prova e identificar quais pontos ainda precisam ser mais trabalhados poderão realizar uma avaliação com base nas disciplinas exigidas no concurso.  E o melhor, com ACESSO GRATUITO!

Por meio dessa campanha, o futuro servidor terá condições de entender como está seu nível de preparo para a seleção, considerando o último concurso realizado para a Polícia Federal, em 2018. Além disso, o candidato poderá identificar suas maiores deficiências em relação ao edital.

“O candidato vai estar melhor embasado de informações para direcionar seus estudos para esse concurso. Nosso objetivo é ajudar os candidatos a traçarem um cronograma de estudos, com base em dados de proficiência dessas disciplinas”, explicou Fernando Carvalho, COO da EduQC.

ACESSE AGORA A FERRAMENTA DA EDUQC!

+ Concurso PF: 'estamos finalizando o edital', revela Jair Bolsonaro

Candidato estudando
Candidatos do concurso PF descobre chances
de aprovação em ferramenta gratuita (Foto: Divulgação)

Entenda como vai funcionar a avaliação

Os interessados no próximo concurso PF poderão realizar uma avaliação com 10 questões, para cada uma das disciplinas exigidas no concurso. Em 2018, a prova do concurso para agente de polícia da PF foi dividida da seguintes forma:

  • Bloco I: Língua Portuguesa, Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Penal e Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística e Raciocínio Lógico;
  • Bloco II: Informática;
  • Bloco III: Contabilidade Geral.

O diferencial do método desenvolvido pela EduQC é a personalização e assertividade com que a avaliação será feita. Isso porque mesmo que dois candidatos iniciem as provas respondendo as mesmas questões, os demais itens dependerão de seu desempenho. 

As perguntas podem se tornar mais fáceis ou difíceis, considerando os erros e acertos de cada usuário. Ou seja, as questões vão se adaptando à realidade do candidato.

Além disso, a pontuação final também levará em consideração o grau de dificuldade das questões e não somente a quantidade de perguntas respondidas da maneira correta.

“Diferentemente do acerto bruto, por exemplo, de dez questões ele acertou oito e teve 80% de acertos, a proficiência leva em consideração o nível de dificuldade das questões. Isso está relacionado ao TRI (Teoria de Resposta ao Item), uma metodologia de avaliação e de ensino adaptativo, em que é possível traçar uma avaliação para aquele usuário de acordo com o real momento dele”, destacou Carvalho.

Dentro dessa lógica, se o candidato acertar muitas questões difíceis, seu nível de proficiência será maior que o de outro usuário que acertou a mesma quantidade de questões, mas de níveis mais fáceis, por exemplo.

+ O que pode ajudar na preparação para o próximo concurso PF?

+ Concurso PF Informática: professor orienta sobre conteúdos de TI

Futuros servidores poderão realizar as avaliações em até sete dias

A chance de aprovação do candidato será medida com base na proficiência em todas as disciplinas. Também serão levados em consideração parâmetros estatísticos do último edital, em que é possível ter acesso à nota do último aprovado e a quantidade de inscritos.

“Tudo isso será feito com base no algoritmo que desenvolvemos na EduQC. Vamos emitir uma chance de aprovação do aluno e ele vai saber em quais disciplinas tem maior ou menor proficiência.”

No plano pago da EduQC, os usuários ainda podem ter acesso a um controle de estudos baseado no peso das disciplinas, conforme o último e a disponibilidade de tempo do candidato para estudar.

Qualquer pessoa interessada no cargo de agente do concurso da Polícia Civil pode realizar a avaliação. Para isso, basta se cadastrar no site da EduQC .

Interessados em outros cargos também podem participar. No entanto, Carvalho destacou que a avaliação conta com algumas disciplinas para o cargo de agente, sendo a avaliação de chances de aprovação específica para esse cargo.

Ao se inscrever na plataforma, o candidato receberá sete dias de acesso gratuito para fazer as avaliações. “Não precisa fazer exatamente na hora em que se inscreve, porque o ideal é que o candidato resolva a prova com calma, como se ele estivesse fazendo uma avaliação mesmo. E ele não precisa fazer tudo na mesma hora,  vai ter sete dias de prazo para fazer todas as avaliações com essa  ferramenta que vai ser liberada gratuitamente para os usuários”, explicou o COO da EduQC.

Fernando Carvalho ainda destacou que essa é uma ferramenta que pode ser utilizada por todos os candidatos, desde os que começaram seus estudos agora até os que já se preparam há mais tempo.

“A avaliação vai indicar para o candidato qual é a proficiência dele em cada uma das disciplinas. Então, se ele percebe que está com uma proficiência mais baixa em alguma disciplina, ele vai ter dados para embasar seus estudos. Aqueles que estão começando agora, poderão ter um norte de como eles estão para esse concurso."

Concurso PF tem 2 mil vagas confirmadas para área policial

De acordo com o presidente Jair Bolsonaro, o edital do concurso PF está em fase final de elaboração e deve ser publicado ainda este ano. A declaração foi feita pelo presidente durante o discurso na cerimônia de formatura dos aprovados nos concursos da Polícia Federal de 2018, realizada na última quinta-feira, 8.

Na ocasião, Bolsonaro voltou a confirmar que a Polícia Federal já obteve o aval do ministro da Economia, Paulo Guedes, para preencher 2 mil vagas de policiais.

"Conseguimos também, junto ao ministro da Economia, a oportunidade de mais 2 mil vagas para o ano que vem. Estamos ultimando a confecção do edital de modo que, o mais rapidamente possível, possamos ter esse efetivo a mais para somar a vocês para combater o crime organizado em nosso país", declarou o presidente.

As duas mil vagas anunciadas serão distribuídas para os seguintes cargos da área policial:

  • 1.016 vagas de agente;
  • 600 vagas de escrivão;
  • 300 vagas de delegado; e
  • 84 vagas de papiloscopista.
CarreiraRequisitosRemuneração 
AgenteNível superior em qualquer + CNHR$12.441,26
EscrivãoNível superior em qualquer + CNHR$12.441,26
PapiloscopistaNível superior em qualquer + CNHR$12.441,26
DelegadoNível superior em Direito, experiência de três anos + CNH R$23.130,48
Plano Especial de Cargos da PF Nível superior em várias áreasR$5.559,67
Agente administrativoNível médio completoR$4.710,76

Apesar de ainda não ter confirmação, também é aguardada a abertura de vagas para vagas da área administrativa. Nesse caso, a expectativa é para a abertura de vagas nos cargos de:
 

  • Administrador - 21 vagas
  • Arquivista - oito vagas
  • Assistente social - 10 vagas
  • Bibliotecário - uma vaga
  • Contador - nove vagas
  • Economista - três vagas
  • Enfermeiro - três vagas
  • Engenheiro - uma vaga
  • Estatístico - quatro vagas
  • Farmacêutico - uma vaga
  • Médico - 65 vagas
  • Nutricionista - uma vaga
  • Odontólogo - 11 vagas
  • Psicólogo - cinco vagas
  • Técnico em assuntos educacionais - 13 vagas
  • Técnico em comunicação social - três vagas
  • Agente administrativo - 349 vagas

Outra informação importante é a Polícia Federal já trabalha com um cronograma para a realização do concurso PF 2020. De acordo com esse cronograma inicial, o edital do concurso deve ser publicado em dezembro, com aplicação de provas para abril de 2021, com duas turmas de curso de formação. 

A informação foi confirmada à Folha Dirigida pelo presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais, Luís Boudens. Segundo ele, o cronograma ainda prevê a assinatura do contrato com a banca organizadora em novembro deste ano. 

No entanto, Boudens ressaltou que esse cronograma é apenas um planejamento e uma sugestão, que foi enviado ao Ministério da Economia. A sua execução não depende, apenas, da Polícia Federal. "Pode mudar, de acordo com o tempo de análise da equipe do Ministério da Economia", disse o presidente à reportagem.

Cronograma sugestivo do concurso PF 2020

  • Assinatura do contrato com a organizadora: 23 de novembro de 2020
  • Publicação de edital: 08 dezembro de 2020
  • Aplicação das provas objetivas e discursivas: 11 de abril de 2021
  • Teste de Aptidão Física: 12 a 13 de junho de 2021
  • Aplicação do exame médico: 17 e 18 de julho de 2021
  • Prova de digitação: 22 de agosto de 2021
  • Avaliação psicológica: 26 de setembro de 2021
  • Heteroidentificação de candidatos negros: 31 de outubro de 2021
  • Avaliação de títulos: 22 a 26 de novembro de 2021
  • Resultado final: 21 de dezembro de 2021
  • 1º Curso de Formação: janeiro de 2022
  • 2º Curso de Formação: julho de 2022

Newsletter

Newsletter

Quer receber novidades sobre concursos?

Quer receber diretamente no seu e-mail as principais notícias dos concursos da sua região?

E de quebra dicas para seus estudo? Cadastre-se gratuitamente na newsletter FD para ter tudo isso!

Sobre o concurso

Previsto

Polícia Federal - 2020

Nacional
Não informado
Fund...
Não informado