Concurso PF: Decreto autoriza nomeação de peritos criminais

O presidente Jair Bolsonaro autorizou a nomeação de candidatos aprovados fora do número de vagas para o concurso PF. Saiba mais!

09/10/2020 09:17 | Atualizado: 09/10/2020 11:52

09/10/2020 09:17 | Atualizado: 09/10/2020 11:52

A Polícia Federal está autorizada a nomear 15 peritos aprovados no concurso PF, realizado em 2018. O Decreto, assinado pelo presidente Jair Bolsonaro, foi publicado nesta sexta-feira, 9, por meio do Diário Oficial da União.

De acordo com o documento, esses candidatos foram classificados fora do quantitativo de vagas previsto inicialmente. No entanto, a nomeação está sendo possível devido à existência de cargos vagos no órgão. 

Confira abaixo a distribuição por área:

CargoNúmero de peritos
Perito Criminal Federal - Área 31
Perito Criminal Federal - Área 41
Perito Criminal Federal - Área 58
Perito Criminal Federal - Área 63
Perito Criminal Federal - Área 121
Perito Criminal Federal - Área 141

O decreto informa, ainda, que as despesas referentes às nomeações serão por conta do orçamento designado à Polícia Federal.

Saiba mais sobre o concurso:

PF é autorizada a nomear 15 peritos (Foto: Agência Brasil)
PF é autorizada a nomear 15 peritos (Foto: Agência Brasil)

Concurso PF tem ganhos de até R$24 mil

Publicado em junho de 2018, o edital de abertura para o concurso da Polícia Federal ofereceu 500 vagas para os cargos de agente, escrivão, delegado, perito e papiloscopista. Todas foram de nível superior.

As remunerações podem chegar a R$24.150,74. Já a jornada de trabalho é de 40 horas semanais.

Para participar, foi exigido graduação em qualquer área ou curso de tecnólogo, além da carteira nacional de habilitação (CNH) na categoria B ou superior.

    enlightenedConcurso PF: 'estamos finalizando o edital', revela Jair Bolsonaro

O maior número de oportunidades foi reservado ao cargo de agente, somando 180. Nesse caso, os ganhos iniciais são de R$12.441,26 mensais, podendo chegar a R$12.980,50 no ano seguinte.

​Já a carreira de delegado ofereceu 150 chances para graduados em Direito, com experiência jurídica ou policial de, pelo menos, três anos. Também foi exigida a CNH na categoria B ou superior. 

O salário inicial foi de R$23.130,48, podendo chegar a R$24.150,74 no segundo ano.

A função de escrivão contou com 80 vagas para graduados em qualquer área ou com curso tecnólogo, além da CNH B ou superior. Os vencimentos iniciais foram de R$12.441,26, podendo passar para R$12.980,50 em 2018.

Por fim, o cargo de perito ofertou 60 chances em diversas áreas. As exigências foram graduação nas áreas específicas e a CNH na mesma categoria dos demais cargos.

Os ganhos iniciais foram de R$23.130,48, podendo alcançar R$24.150,74 no ano seguinte.

Concurso PF já nomeou 500 policiais

Em novembro do ano passado, a Polícia Federal divulgou a nomeação dos primeiros aprovados do concurso PF que concluíram o curso de formação. Foram mais de 500 novos policiais distribuídos em cinco cargos diferentes.

Desse quantitativo, foram 194 agentes de polícia, 151 delegados, 78 escrivães, 57 peritos criminais (várias áreas) e 27 papiloscopistas.

O último edital de concurso da Polícia Federal para a área Policial foi publicado em 2018, com oferta de 500 vagas. O organizador foi o Cebraspe (antigo Cespe/UnB).

Concurso PF contou com diversas etapas de avaliação

As inscrições puderam ser realizadas de 19 de junho até 2 de julho de 2018, pela internet. As taxas eram de R$180 para os cargos de agente, escrivão e papiloscopista e R$250 para delegado.

    + O que pode ajudar na preparação para o próximo concurso PF?

Os participantes foram avaliados por meio de diversas etapas de seleção, sendo elas:

  • Prova objetiva;
  • Prova discursiva;
  • Exame de aptidão física;
  • Prova oral (somente delegado);
  • Avaliação médica;
  • Avaliação psicológica;
  • Avaliação de títulos (somente delegado e perito);
  • Prova prática de digitação (somente escrivão).
  • Investigação social;
  • Curso de formação.

 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...