Concurso PC RN tem provas adiadas. Entenda!

As provas do concurso PC RN, que aconteceriam nos próximos dias 7 e 14 de março, estão suspensas. Entenda!

22/02/2021 22:18 | Atualizado: 23/02/2021 10:27

22/02/2021 22:18 | Atualizado: 23/02/2021 10:27

As provas do concurso PC RN, que aconteceriam nos próximos dias 7 e 14 de março, foram adiadas. A decisão foi divulgada pela Polícia Civil do Rio Grande do Norte na noite desta segunda-feira, 22.

A decisão, por unanimidade, tem justificativa no aumento de casos da Covid-19 no estado. Veja o comunicado na íntegra.

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte informa que, após reunião extraordinária realizada nesta segunda-feira (22), a Comissão Especial do Concurso Público da Polícia Civil decidiu por unanimidade pelo adiamento das provas, aprazadas para os dias 07 e 14 de março, em face do agravamento dos indicadores da pandemia, conforme dados estatísticos e análise por parte do Comitê de Especialistas da Secretaria Estadual de Saúde Pública. A Comissão continuará vigilante e atenta à mudança dos fatos ensejadores da decisão atual, para que, tão logo a situação da pandemia seja estabilizada no estado, o processo seletivo tenha prosseguimento, o qual é do total interesse da Polícia Civil.

No total,  61.042 candidatos eram aguardados para as avaliações. Desses, 32.239 para agente, 24.079 para delegado e 4.724 para escrivão. Ainda não há previsão para serem divulgadas as novas datas dos exames.

Concurso Polícia Civil-RN tem provas suspensas (Foto: Divulgação)
Concurso Polícia Civil-RN tem provas suspensas (Foto: Divulgação)

Candidatos do concurso PC RN passarão por quatro etapas

Os candidatos do concurso da Polícia Civil do Rio Grande do Norte serão avaliados em diversas etapas, sendo elas:

  1. provas objetivas e discursivas;
  2. avaliação física (exceto para o cargo de escrivão) ou prova prática (somente para o escrivão);
  3. exame psicotécnico; e
  4. curso de Formação. 

enlightened Concurso PM PI sai até o fim do mês, diz corporação em nova previsão

A prova objetiva contará com 100 questões, que serão distribuídas da seguinte forma:

Agente e escrivão

  • Língua Portuguesa (20 perguntas);
  • Raciocínio Lógico-Matemático (dez);
  • Noções de Informática (dez);
  • Noções de Administração (dez);
  • Noções de Contabilidade (dez);
  • Noções de Direito Constitucional (dez);
  • Noções de Direito Penal, Processual Penal e Legislação Extravagante (15);
  • Noções de Direito Administrativo (dez); e
  • Noções de Medicina Legal (cinco).

Delegado

  • Direito Constitucional (15);
  • Direito Penal (15);
  • Direito Processual Penal (15);
  • Legislação Penal e Processual Penal Extravagante (15);
  • Direito Administrativo (15);
  • Direito Financeiro e Tributário (cinco);
  • Direito Ambiental (cinco);
  • Medicina Legal (cinco);
  • Criminalística (cinco); e
  • Criminologia (cinco).

Conheça a Folha Cursos e inicie a sua preparação!

Folha Cursos


Para ser aprovado será preciso acertar, no mínimo, 50 questões. Somente os primeiros 600 candidatos aprovados, na ampla concorrência no cargo de delegado, terão as provas discursivas corrigidas. 

No caso do agente e do escrivão, somente serão corrigidas as avaliações dos primeiros 1.500 e 600 aprovados, respectivamente, na ampla concorrência.

Conforme o edital, a prova discursiva será realizada no mesmo dia da objetiva, sendo 7 de março para agente e escrivão (das 8h às 13h30) e 14 de março para o delegado (das 15h às 19h), conforme o cronograma atual.

Os aprovados serão convocados para as demais etapas. Caso um candidato habilitado na prova discursiva esteja participando do concurso simultaneamente para o cargo de escrivão e delegado, a partir desta etapa será preciso optar pelo cargo que deseja prosseguir no concurso.

Isso ocorre porque, segundo o edital, o cronograma previsto para o TAF e para a prova prática são coincidentes e inviabilizarão a realização das etapas de maneira concomitante.

Selecionados terão ganhos de até R$10 mil

Com o edital de abertura publicado em novembro de 2020, o concurso da Polícia Civil do Rio Grande do Norte oferece 301 vagas imediatas, sendo:

  • 47 para delegado;
  • 230 para agente; e
  • 24 para escrivão.

Os cargos têm o nível superior como requisito. No entanto, no caso do delegado, é preciso ter graduação completa em Direito. A PC RN exige ainda carteira de habilitação a partir da categoria B para todos os candidatos.

Em maio de 2020, os salários iniciais e finais passaram por reajustes. Desta forma, os aprovados receberão os seguintes vencimentos.

Cargo Salário Inicial  Salário final 
Delegado R$16.670,59 R$25.632,97
Agente R$4.731,91 R$10.468,63
Escrivão R$4.731,91 R$10.468,63

Resumo sobre o concurso PC RN:

  • Órgão: Polícia Civil do Rio Grande do Norte
  • Cargos: agente de polícia, delegado e escrivão
  • Vagas: 301
  • Requisitos: nível superior
  • Remuneração: R$4.731,91 (agentes e escrivães) e R$16.670,59 (delegado)
  • Banca: Fundação Getulio Vargas (FGV)
  • Inscrições: de 2 a 21 de dezembro de 2020
  • Provas: após suspensão, sem data

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Sobre o concurso

Inscrições Encerradas

Polícia Civil- RN - 2020 - Agente, Escrivão e Delegado

RN
Até R$16670,59
Fund...
301 vagas

Carregando...