Concurso Ministério da Justiça tem pedido confirmado para 365 vagas

O Ministério da Justiça e da Segurança Pública acaba de confirmar que enviou pedido para concurso com 365 vagas à Economia.

06/07/2020 15:32 | Atualizado: 06/07/2020 19:56

Por: Mateus Carvalho

06/07/2020 15:32 | Atualizado: 06/07/2020 19:56 - Por: Mateus Carvalho

Você que sonha com uma vaga na carreira pública, pode comemorar. Um novo pedido para seleção foi confirmado e está em análise no governo. Dessa vez, a confirmação é do concurso Ministério da Justiça e da Segurança Pública.

Quem confirmou a demanda do envio de um novo pedido foi a própria pasta, à FOLHA DIRIGIDA, no final da tarde desta segunda-feira, 6.

+ Concurso PRF: diretor volta a prever edital em 2020 e formação em 2021

O pedido foi para 365 vagas efetivas para preencher cargos em atividades-fim. As carreiras contempladas são de níveis médio, médio/técnico e superior.

Além do quantitativo de vagas, o Ministério da Justiça e da Segurança Pública também confirmou os cargos contemplados, sendo eles:

  • 115 vagas para analista técnico de políticas sociais, da carreira de desenvolvimento de políticas sociais
  • 250 vagas de níveis superior e intermediário do plano geral de cargos do Poder Executivo.

As 250 vagas, portanto, ficam distribuídas da seguinte maneira:

  • Administrador - oito vagas;
  • Analista Técnico-Administrativo - 117 vagas;
  • Arquiteto - uma vaga;
  • Arquivista - uma vaga;
  • Assistente social - uma vaga;
  • Bibliotecário - duas vagas;
  • Contador - quatro vagas;
  • Economista - três vagas;
  • Enfermeiro - uma vaga;
  • Engenheiro - sete vagas;
  • Estatístico - uma vaga;
  • Médico - quatro vagas;
  • Psicólogo - três vagas;
  • Técnico em assuntos educacionais - sete vagas;
  • Agente administrativo - 87 vagas; e
  • Técnico em contabilidade - três vagas.

 

(Foto: Divulgação)
Ministério da Justiça confirma pedido de concurso para mais de 300 vagas
(Foto: Divulgação)

Último concurso Ministério da Justiça aconteceu em 2013

A pasta sofreu uma junção após a posse do presidente da República Jair Bolsonaro. Ela passou de Ministério da Justiça para Ministério da Justiça e da Segurança Pública. Este seria o primeiro concurso após a unificação.

Apenas como Ministério da Justiça, o último concurso aconteceu há praticamente sete anos, em 2013, cuja validade já foi expirada. Na época, foram oferecidas 125 vagas para cargos de nível superior.

Assine a Folha Dirigida e turbine os estudos


A seleção passada teve o Cebraspe, antigo Cespe, como organizador. Para o próximo concurso, somente será conhecida a banca após a autorização ser publicada. A partir daí, o Ministério da Justiça e Segurança Pública pode iniciar os preparativos.

enlightenedTodos os órgão federais tiveram até 31 de maio para protocolar seus pedidos na Economia. Agora, eles serão analisados e podem ser autorizados a qualquer momento.


O último concurso teve provas objetiva e discursiva, sendo ambas com caráter eliminatório e classificatório. As disciplinas cobradas foram:

  • Língua Portuguesa
  • Noções de Informática
  • Raciocínio Lógico
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Administrativo (exceto para o analista técnico administrativo)
  • Legislação específica
  • Atualidade (somente para o analista técnico administrativo)
  • Conhecimentos específicos

Ministério da Justiça teve edital para temporários em 2020

Em 2020, o Ministério da Justiça e da Segurança Pública divulgou edital para contratar 35 temporários em três cargos distintos. A seleção já encerrou o prazo para inscrição.

As oportunidades foram para analista de governança de dados - Big Data (13 vagas); cientista de dados - Big Data (12); e engenheiro de dados - Big Data (dez).

De acordo com o edital, em todos os casos, a exigência é o nível superior ou pós-graduação na área de Informática/Computação e experiência superior a cinco anos no ramo. É necessário, ainda ter disponibilidade para atuação em Brasília, no Distrito Federal.

A seleção é organizada pelo  Instituto AOCP  e tem provas previstas para acontecer em agosto.

Saiba tudo sobre o edital de temporários do Ministério da Justiça

  • Órgão: Ministério da Justiça e Segurança Pública
  • Cargos: analista de governança de dados, cientista de dados e engenheiro de dados
  • Vagas: 35
  • Requisito: nível superior
  • Remuneração: R$8.300
  • Inscrições: de 11 de maio a 15 de junho
  • Provas objetivas: 2 de agosto 

Confira o material de preparação da FOLHA DIRIGIDA e comece já os estudos para o concurso!

✔ E-books 
✔ Provas para download
✔ Artigos sobre concursos
✔ Editais verticalizados
✔ Vídeos com dicas

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...