Concurso Iphan: órgão encaminha pedido de novas convocações

Realizado em 2018, o concurso do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional ainda conta com cadastro reserva. Confira!

25/01/2021 17:46

25/01/2021 17:46

Você participou do concurso Iphan realizado em 2018? Caso sim, fique atento, pois o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional realizou um pedido de convocação dos candidatos aprovados por meio do cadastro reserva. 

O processo, encaminhado ao Ministério da Economia, foi disponibilizado no Sistema Eletrônico de Informações (SEI) do órgão.

De acordo com o documento, após um estudo da força de trabalho do Iphan, foi identificada a necessidade de solicitar a autorização para o provimento dos inscritos classificados e não convocados para os cargos efetivos. 

Agora, para que esses profissionais aprovados sejam convocados, é preciso que o Ministério aprove o pedido realizado pela instituição.

Hoje, o Instituto atua em todo o território nacional, sendo composto por: 27 Superintendências, 36 Escritórios Técnicos, um Parque Histórico Nacional e  6 Unidades Especiais.

Dessa forma, ainda segundo o documento, o déficit de pessoal do Iphan pode gerar consequências quanto ao tempo de resposta aos processos de licenciamento, a formação de projetos pendentes de análise e aprovação, com grave impacto sobre o andamento das obras e, ao final, com prejuízos para o desenvolvimento do país. 

Vale lembrar que o edital do de abertura do Iphan foi divulgado em junho de 2018, oferecendo vagas em âmbito nacional.

Recentemente, no dia 4 de janeiro, foi divulgada a suspensão do prazo de validade do concurso, devido à pandemia de Covid-19. No entanto, ela será retomada após o término da vigência do estado de calamidade pública estabelecido pela União.

Quer saber mais sobre como foi o andamento? Acompanhe o menu abaixo e fique por dentro!

O que você precisa saber sobre o concurso Iphan 2018:

Iphan tem intenção de convocar mais aprovados (Foto: Divulgação)
Concurso Iphan tem intenção de convocar
mais aprovados (Foto: Divulgação)

Concurso Iphan 2018 ofertou mais de 400 vagas

Publicado em 2018, o edital do último concurso para o Iphan trouxe 411 vagas. Desse total, 131 foram para o cargo de auxiliar institucional, de nível médio, 176 para técnico I e 104 para analista I, ambos de nível superior. 

enlightenedConcursos abertos na semana somam mais de 11 mil vagas

As oportunidades foram destinadas aos 26 estados mais o Distrito Federal. Os ganhos da época foram de R$3.877,97 (nível médio) e R$5.493,29 (nível superior).

concurso Iphan registrou cerca de 65 mil inscrições. O número de faltosos nas provas objetivas e discursivas também foi alto com mais de 17 mil abstenções

Boa parte das faltas ocorreu na realização dos exames para o cargo de auxiliar institucional. Dos 31.884 inscritos, 9.340 não compareceram, gerando um percentual de 29,3% de abstenção.

Uma das últimas nomeações de aprovados ocorreu em agosto de 2019, quando o instituto recebeu autorização do Ministério da Economia para convocar 131 aprovados no cargo de nível médio.

Na época, a presidente do Iphan, Kátia Bogéa, destacou a chegada dos novos servidores como ’vitória’ para o órgão.

"Com esse reforço institucional, a autarquia ganha fôlego para exercer suas diversas atribuições e, sobretudo, confere agilidade e qualifica a sua atuação no licenciamento ambiental, que foi uma das motivações para autorização do concurso" declarou a presidente.

Concurso Iphan foi composto por até três etapas

O concurso Iphan foi composto por provas objetivas e discursivas, além de avaliação de títulos. Todas etapas foram realizadas nas 26 capitais dos estados brasileiros e no Distrito Federal. Confira abaixo como foram:

Prova objetiva

As provas objetivas foram compostas por 120 questões, sendo 50 de Conhecimentos Básicos e 70 de Conhecimentos Específicos. Veja as disciplinas básicas para todos os cargos:

  • Língua Portuguesa;
  • Fundamentos da Preservação do Patrimônio Cultural
  • Noções de Gestão e Administração Pública;
  • Atualidades. 

As provas foram na estrutura de 'certo' ou 'errado'. Um erro significa a perda dos pontos dos acertos. Os exames valeram 120 pontos. 

Foi reprovado quem atingiu nota inferior a 10 pontos em Conhecimentos Básicos, 21 pontos em Conhecimentos Específicos e 36 pontos no conjunto das provas objetivas. 

Prova discursiva 

No mesmo dia das provas objetivas, foram realizados os aplicados os exames discursivos para todos os níveis de escolaridade. Os inscritos tiveram que desenvolver um texto dissertativo com até 30 linhas. A prova valeu, no máximo, 40 pontos.

Avaliação de títulos

Somente os concorrentes de nível superior classificados nas provas objetivas e discursivas foram convocados para a terceira etapa do concurso Iphan: avaliação de títulos.

Foram analisados documentos que comprovassem especializações e exercício de atividade autônoma profissional de nível superior na Administração Pública ou na iniciativa privada em cargos conforme conhecimentos específicos da prova objetiva da área a que concorre.

A pontuação máxima foi de 14, ainda que a soma dos valores dos títulos apresentados seja superior a esse valor.

Para candidatos de nível superior a nota final do concurso Iphan foi a soma das pontuações obtidas nas provas objetivas, discursivas e de títulos.

Enquanto para os concorrentes de nível médio, a nota final foi o somatório apenas dos exames objetivos e discursivos. 

Resumo concurso Iphan 2018

  • Órgão: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional
  • Vagas: 411
  • Cargos: auxiliar institucional, técnico I e analista I
  • Requisitos: níveis médio e superior
  • Salários: R$3.877,97 a R$5.493,29
  • Status: homologado em 12 de dezembro de 2018

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Sobre o concurso

Inscrições Encerradas

Iphan - 2018

Nacional
Não informado
Fund...
411 vagas

Carregando...