Concurso Inmetro: se aprovado, edital ficará para 2023
Pedido de concurso Inmetro segue em análise no Ministério da Economia, mas, caso seja aprovado, edital deverá ser publicado em 2023.
04/05/2022 12:05 | Atualizado: 04/05/2022 12:57
04/05/2022 12:05 | Atualizado: 04/05/2022 12:57

O pedido do novo concurso Inmetro foi feito ao Ministério da Economia, segundo o próprio Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia. Em resposta dada em abril, no Acesso à Informação do Governo Federal, o órgão falou sobre o processo.

"O Inmetro solicitou ao Ministério da Economia autorização para a realização de um novo concurso público, com previsão de vagas para todos os cargos pertencentes ao Plano de Carreiras e Cargos", disse o Instituto.

No entanto, o Inmetro afirma que, até o momento, não obteve resposta sobre essa solicitação, "portanto não existe previsão de publicação do edital, ainda este ano, para o referido concurso público".

No entanto, caso a autorização seja dada, o edital deve ficar apenas para 2023. Isso porque o Inmetro costuma considerar a proximidade do segundo semestre e a necessidade de escolha da banca organizadora do concurso.

O número de vagas e os cargos solicitados não foram revelados. Em 2021, por exemplo, foram pedidas 430 oportunidades, para as seguintes carreiras:

CargoNúmero de vagasEscolaridadeVencimento Básico
Analista Executivo em Metrologia e Qualidade61nível superiorR$8.439,91
Assistente Executivo em Metrologia e Qualidade131nível intermediárioR$3.746,88
Especialista em Metrologia e Qualidade Sênior8nível superiorR$18.762
Pesquisador -Tecnologista em Metrologia e Qualidade139nível superiorR$8.439,91
Técnico em Metrologia e Qualidade91nível intermediárioR$3.746,88

 

Último concurso Inmetro completa oito anos

Em 2014, o Inmetro realizou o seu último concurso. Na época, foram publicados três editais, com 80 vagas no total. A seleção foi organizada pelo Idecan.

Nos níveis médio e técnico foram oferecidas 28 vagas para assistente, em diversas áreas.

Sem concurso, Inmetro aguarda autorização para novo edital (Foto: Divulgação/Sindsep)
Sem concurso, Inmetro aguarda autorização
para novo edital (Foto: Divulgação/Sindsep)

As outras 52 vagas foram de nível superior, sendo 11 de pesquisador, 39 de analista e duas de especialista (doutorado).

O primeiro contou com oportunidades em Acreditação, Engenharia Elétrica, Engenharia Eletrônica, Engenharia Mecânica, Engenharia Química, e Regulamentação Técnica e Avaliação da Conformidade.

Para analistas foram contempladas as áreas de Administração Geral e Pública, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Ciências Contábeis, Comunicação, Controle e Execução Interna (Direito), Tecnologia da Informação e Psicologia do Trabalho.

Já para especialista, as vagas foram para as áreas de Metrologia Elétrica e Metrologia de Materiais. 

Os candidatos de nível médio realizaram provas objetivas e uma avaliação de títulos e experiência profissional. Já os concorrentes de nível superior, além dessas etapas, foram avaliados por provas discursivas e curso de formação.

Para especialista, foram realizadas avaliação de títulos e produção científica e tecnológica, defesa e arguição pública de Memorial e defesa e arguição pública de Plano de Trabalho.

Quer receber novidades sobre concursos?
Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!
Newsletter
Receba notícias recomendadas para você!
É só se cadastrar e seguir concursos de seu interesse para receber notícias exclusivas direto na sua página inicial.
icon