Concurso IBGE: Instituto esclarece crédito adicional do governo

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística fala sobre concurso IBGE para o Censo 2022 e esclarece crédito adicional dado pelo governo.

29/06/2021 10:32 | Atualizado: 29/06/2021 12:28

Por: Juliana Goes

29/06/2021 10:32 | Atualizado: 29/06/2021 12:28 - Por: Juliana Goes

Na última sexta-feira, 26, o Ministério da Economia liberou um crédito adicional, com mais de R$71 milhões, para o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Com o concurso IBGE para o Censo suspenso, o órgão falou sobre o destino desse orçamento.

Segundo o Instituto, o valor liberado irá custear a permanência, até o final de 2021, dos analistas censitários temporários, que já trabalham no IBGE em operações preparatórias para o Censo Demográfico. A pesquisa ocorrerá em 2022.

Desta forma, o valor liberado não altera o cronograma previsto para a realização do Censo 2022. Como determinado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), a pesquisa será feita no ano que vem.

"Diante da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), de que o governo dê provimento orçamentário para o Censo ser realizado em 2022, o IBGE está trabalhando pelo prosseguimento do processo", disse o Instituto.

Em relação aos candidatos inscritos no concurso IBGEcom mais de 204 mil vagas temporárias, o Instituto também falou sobre a devolução da taxa de inscrição, que, até o momento, não deve ocorrer.

"Quanto ao processo seletivo simplificado, ele está suspenso e não cancelado. Só há reembolso quando o PSS é efetivamente cancelado, o que, até então, não é o caso. Nesse caso, de continuidade, um novo cronograma será divulgado", disse o IBGE.

Concurso IBGE segue sem cronograma (Foto: Divulgação)
Concurso IBGE segue sem novo cronograma
(Foto: Divulgação)

Resumo sobre a seleção

  • Órgão: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)
  • Cargos: agente censitário municipal, agente censitário supervisor e recenseador
  • Vagas: 204.307 vagas temporárias
  • Requisito: níveis fundamental e médio
  • Remuneração: a partir de R$2.158
  • Bancas: Cebraspe
  • Status: adiado para 2022 (suspenso)

Censo foi adiado após corte no orçamento

O adiamento do Censo Demográfico acontece pela segunda vez dentro de dois anos. Em 2020, quando foram abertas 208.695 vagas temporárias, a seleção teve que ser adiada por conta da pandemia de Covid-19.

Neste ano, no entanto, o adiamento ocorreu por uma decisão política, após, em março, o Congresso Nacional aprovar o corte no orçamento para a realização do Censo 2021.

Com uma redução de quase 90% do orçamento previsto (de R$2 bilhões para R$71 milhões), a realização da pesquisa e, consequentemente, do concurso se tornou inviável.

O primeiro Censo Demográfico brasileiro foi feito em 1872 e, desde 1920, tem sido realizado decenalmente, nos anos terminados em zero.

Em todo esse tempo, a pesquisa só não foi realizada em três momentos:

  • Em 1930 devido à Revolução;
  • Em 1990, sendo adiada para 1991, no Governo Collor; e
  • Em 2020 devido à pandemia do novo Coronavírus, sendo adiada para 2021*.

Com a suspensão do processo este ano, esta é a quarta vez que um Censo é adiado, e, a primeira, que ocorre de forma consecutiva.

Segundo o presidente do Instituto, Eduardo Rios Neto, a realização da pesquisa em 2022 vai depender das circunstâncias sanitárias e orçamentárias.

"Vamos lutar pela integralidade do orçamento para o Censo 2022 e para mitigar as perdas operacionais em 2021", disse.

Concurso IBGE tinha vagas em todo o país

Publicados no dia 18 de fevereiro, por meio do Cebraspe, os editais do concurso IBGE 2021 ofereceram mais de 204 mil vagas temporárias, nos cargos de:

  • agente censitário municipal (ACM) - 5.450 vagas;
  • agente censitário supervisor (ACS) - 16.959 vagas; e
  • recenseador - 181.898 vagas.

As inscrições terminaram nos dias 15 (agentes) e 19 (recenseador) de março. As vagas foram destinadas a candidatos com níveis fundamental (recenseador) e médio (agentes).

Os aprovados, nos cargos de agente, teriam ganhos de R$2.100 (municipal) e de R$1.700 (supervisor). Os valores ainda poderiam chegar a R$2.558 e R$2.158, respectivamente, com o auxílio-alimentação de R$458.

No caso do recenseador, os ganhos seriam por produção. No  site do IBGE , era possível simular a remuneração.

Folha Cursos

Prepare-se para concursos com a Folha Cursos

Folha Cursos chegou para acelerar os seus estudos. Em nossa nova plataforma, você encontra materiais completos, otimizados e sem enrolação!

Confira a seguir os cursos preparatórios já disponíveis:

Por cargo

Por carreira

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...