Exército publica quatro editais de concurso para temporários

O Exército Brasileiro divulga seleção para vagas de sargento técnico temporário. Vagas são para o Rio de Janeiro e Espírito Santo.

17/08/2018 13:25 | Atualizado: 17/08/2018 16:31

17/08/2018 13:25 | Atualizado: 17/08/2018 16:31

O Exército Brasileiro divulgou editais de quatro processos seletivos destinados à formação de cadastro de reserva para profissionais temporários. Todos são para a 1ª Região Militar, que engloba Rio de Janeiro e do Espírito Santo. As seleções são para cabos, sargentos e duas para oficiais, sendo uma delas específica para as áreas de Farmácia, Odontologia e Medicina Veterinária. Podem se candidatar homens e mulhere. 

Baixe o edital

No processo seletivo para cabos podem participar interssados com o ensino fundamental completo. Também será necessário ter curso de formação e um ano de experiência na área pretendida. A remuneração inicial é R$3.061,25. mensais, valor composto pelo soldo de R$2.449, e acrescido do adicional militar de R$318,37 (13% do soldo) e de R$293,88 (12% do soldo).

Para concorrer na seleção de sargentos é necessário que o candidato tenha concluído o ensino médio e o curso técnico na área de interesse em que deseja se inscrever. Para as especialidades de música, podem entrar na disputa candidatos com o ensino médio, sem formação específica. Os ganhos iniciais, nesse caso, são de R$4.816,28, composto de R$3.584 de soldo e de R$616,14, para cada um dos mesmos adicionais (16%).

Já para oficial, é exigido o ensino superior completo em uma das áreas contempladas no edital. No caso das áreas de Medicina Veterinária, Odontologia e Farmácia, é preciso ter também um ano de especialização, pós-graduação/MBA ou mestrado. Quem ingressar como oficial temporário terá remuneração inicial de R$8.943,75, composto pelo vencimento-base de R$6.625 e pelo adicional militar de R$ 1.258,75 (19% do soldo) e R$1.060 (16% do soldo).

Concurso Exército (Foto: Cabo Renan)
Exército abre inscrições para temporários (Foto: Cabo Renan/ Exército)


Em todos os casos, é preciso pelo menos um ano de experiência profissional na área em que o candidato pretenda concorrer. A idade mínima, em todos, é 19 anos, e a máxima varia da seguinte forma: 35 anos para cabos, 37 para sargentos e oficiais (do Serviço Técnico) e 38 para os oficiais das áreas de Medicina Veterinária, Odontologia e Farmácia.

No caso dos homens a altura mínima deverá ser 1,60m e 1,55m para as mulheres. O Exército frisa que a participação dos candidatos voluntários no processo seletivo não implica em qualquer compromisso quanto à incorporação na Força Armada. 

As inscrições estão abertas e poderão ser feitas até às 12h do dia 3 de setembro, pelo site do Serviço Militar Regional . Não é exigido pagamento de taxa.  Ao finalizar o cadastro, a ficha de inscrição deverá ser impressa para que seja entregue juntamente com a documentação necessária, na etapa de avaliação curricular.

Candidatos devem passar por quatro etapas

O processo seletivo é composto de avaliação curricular, teste de conhecimentos/ exame de habilidade em instrumento musical (para os músicos), entrevista de recursos humanos, inspeção de saúde e exame de aptidão física. 

A relação geral pontuada será publicada no dia 5 de setembro e a primeira chamada para avaliação curricular, no dia seguinte. Já os testes de conhecimento começam no dia 22 de outubro para os candidatos a cabos e em 1º de novembro para as demais graduações. O teste de conhecimentos será composto de uma prova escrita e, se for o caso, de prova oral e/ou prática, na qual serão abordados conhecimentos necessários ao exercício da atividade na área. 

A inspeção de saúde será composta de avaliação médica e odontológica. Já a entrevista de recursos humanos tem como objetivo avaliar os convocados quanto à compatibilidade de suas características intelectuais, motivacionais e de personalidade com o perfil psicológico exigido pela carreira militar.

O exame de aptidão física será constituído pela aplicação de três etapas, com número de repetição diferente para homens e mulheres:

⇒ Abdominal supra (sem limite de tempo);

⇒ Flexão de braços (sem limite de tempo);

⇒ Corrida de 12 minutos.

O candidato concorrerá à convocação na cidade pretendida, caso haja vaga para a sua área, observada a ordem de classificação final e o limite de vagas existentes.

O tempo de permanência no serviço

A convocação para o Estágio Básico de Sargento Temporário é feita para um período de 12 meses, podendo o sargento técnico temporário obter prorrogações sucessivas. Para isso, deve solicitar via requerimento e ter parecer favorável de seu comandante. Os temporários poderão comparecer até, no máximo, oito anos.

Os classificados em todas as etapas serão incorporados em fevereiro de 2019, em caráter normal, e em 1° de agosto de 2019, em caráter especial, ou qualquer outra data da vigência do edital, a critério do Comando da 1ª Região Militar.

Newsletter

Newsletter

Quer receber novidades sobre concursos?

Quer receber diretamente no seu e-mail as principais notícias dos concursos da sua região?

E de quebra dicas para seus estudo? Cadastre-se gratuitamente na newsletter FD para ter tudo isso!

Sobre o concurso

Inscrições Encerradas

Exército Temporários - 2018

Nacional
Não informado
Fund...
Não informado

Preparação