Concursos Fiscais 2021: confira os 5 editais iminentes

Ao todo, cinco concursos fiscais estão confirmados para este ano, sendo três deles previstos ainda para este primeiro semestre. Confira!

23/03/2021 06:34 | Atualizado: 22/04/2021 16:13

23/03/2021 06:34 | Atualizado: 22/04/2021 16:13

Em quase três meses, o ano de 2021 já mostrou que os concursos Fiscais são destaques. Após diversas seleções na área militar e policial, chegou a vez das vagas para auditores. E, pelo menos, cinco seleções já estão confirmadas e devem ter seus editais publicados nos próximos meses.

Somente nesse primeiro semestre, três concursos Fiscais devem ser abertos. São eles:

  • Secretaria de Fazenda do Ceará (Sefaz CE);
  • Secretaria de Estado da Fazenda do Espírito Santo (Sefaz ES); e
  • Secretaria da Fazenda do Estado de Roraima (Sefaz RR).

Já no início do segundo semestre, em julho, está previsto o lançamento do edital do concurso da Secretaria de Fazenda de Alagoas (Sefaz AL).

Outra seleção ainda sem data definida, mas que já está no processo de escolha da banca, é a da Secretaria de Fazenda do Estado do Pará (Sefaz PA).

Prepare-se para os concursos Fiscais com a Folha Cursos

Assine a Folha Dirigida e turbine os estudos

Confira as vagas dos concursos Fiscais já confirmados!

Sefaz CE

Segundo a secretária de Fazenda do Ceará, Fernanda Pacobahyba, o edital do concurso Sefaz CE será encaminhado para publicação até o fim deste mês de abril. 

Ainda de acordo com a secretária, o órgão está correndo para a abertura do concurso, porque há muita necessidade de fazer novas contratações.

"Estamos encaminhando o edital da Sefaz, já está sendo gestado. O prazo que me deram lá na Sefaz para a gente terminar e encaminhar para publicação é dia 31 de março", disse Pacobahyba no último dia 3.

No início de fevereiro, um dos últimos trâmites para a publicação do edital foi concluído, com a divulgação do extrato de contrato entre o Cebraspe, organizador, e a Secretaria da Fazenda do Ceará. Com isso, a seleção pode ser aberta a qualquer momento.

Ao todo, serão abertas 100 vagas, que serão distribuídas pelas seguintes carreiras:

  • auditor fiscal da receita estadual;
  • auditor fiscal contábil-financeiro;
  • auditor fiscal jurídico; e
  • auditor fiscal de tecnologia da informação.

Para concorrer, será preciso ter o nível superior, sendo qualquer área para o auditor fiscal da receita estadual e na área específica para os demais cargos.

A remuneração mínima, segundo dados de janeiro de 2020, pode chegar a R$16.045,30. O valor já inclui as gratificações e os prêmios por desempenho fiscal.

Os aprovados irão atuar com jornada de 40 horas, conforme o regime estatutário. As vagas serão imediatas e sem previsão de cadastro reserva.

Confira os concursos Fiscais iminentes (Foto: Divulgação/Receita Estadual RS)
Pelo menos cinco concursos Fiscais estão iminentes
(Foto: Divulgação/Receita Estadual RS)

Sefaz ES

O edital do concurso Sefaz ES segue confirmado. No entanto, ainda não há uma nova previsão de publicação, porque o processo de contratação da banca organizadora, a Fundação Getulio Vargas (FGV), ainda está em andamento, atrasando assim a abertura da seleção.

"A Secretaria da Fazenda informa que o processo de contratação da empresa responsável pelo concurso está em andamento, seguindo os trâmites do Governo do Estado. Tão logo o processo seja concluído, será feita publicação no Diário Oficial", disse a pasta à Folha Dirigida, no último dia 4.

Previsto inicialmente para fevereiro, o edital segue agora sem uma nova data de publicação. Com o atraso, o cronograma de provas também deve mudar.

Segundo o presidente da comissão do concurso, Leandro Kuster, com o edital em fevereiro, as provas deveriam ocorrer ainda neste primeiro semestre. No entanto, é possível que esse calendário seja alterado, considerando ainda a pandemia de Covid-19 no país.

"Pelo nosso cronograma, a prova deve ser realizada ainda no primeiro semestre de 2021. Então, assim que sair o edital, provavelmente de dois a três meses será a realização da prova", disse o presidente em dezembro de 2020.

Apesar de não ter uma nova data prevista, tudo indica que a seleção será aberta ainda neste primeiro semestre, ou seja, até junho.

Ao todo, são esperadas 50 vagas para a carreira de auditor-fiscal, que exigirá dos candidatos o nível superior em qualquer área. Os aprovados terão um salário inicial de R$12.492, podendo chegar a R$23.767,40 com as progressões.

enlightenedSaiba como se preparar para o concurso Sefaz ES 2021

Sefaz RR

Já no caso da Secretaria da Fazenda de Roraima, o edital está previsto para sair até junho. O entrave é a definição da banca organizadora. A previsão é anunciá-la em maio.

Segundo o secretário estadual da Fazenda, Marcos Jorge, a seleção deve preencher uma lacuna importante nos serviços prestados pela Sefaz, além de atender a uma reivindicação antiga do sindicato da categoria.

"Roraima tem um déficit antigo de auditores fiscais, o que tem limitado o trabalho de fiscalização da Sefaz ao longo dos anos. O governador Antonio Denarium, sensível com essa situação, aprovou o concurso, que vem suprir essa carência de profissionais na Secretaria", disse o secretário.

A previsão é que o concurso Sefaz RR seja concluído ainda este ano, com a convocação e nomeação dos aprovados. Os habilitados poderão ser lotados em Boa Vista ou em algum dos municípios onde a pasta tem postos de fiscalização.

Ao todo, serão abertas 30 vagas para o cargo de auditor-fiscal do tesouro estadual. Desse total, 20 serão para contratação imediata e as outras dez para a formação de um cadastro de reserva. A carreira é destinada a profissionais com o nível superior completo em qualquer área.

Sefaz AL

No início do segundo semestre não será diferente, mais uma seleção também deve ser aberta. Segundo a Secretaria de Fazenda de Alagoas, o estado trabalha para publicar o edital e abrir as inscrições já no mês de julho.

O próprio secretário de Fazenda, George Santoro, já confirmou que o concurso seguirá os mesmos moldes do anterior. As provas deverão ocorrer em novembro.

"Nenhuma regra será alterada. As matérias e os conteúdos serão os mesmos, com algumas alterações pontuais de legislação atualizada", disse o gestor.

Ao todo, serão oferecidas 35 vagas, sendo 25 de auditor fiscal da receita estadual e dez de auditor de finanças, controle e arrecadação. Ambas as carreiras exigem o nível superior em qualquer área.

Os ganhos iniciais serão de R$8.264,90 para auditor de finanças e de R$9.471,42 para auditor fiscal. Os aprovados serão lotados, primeiramente, na capital.

Além disso, não serão lotados auditores fiscais nos postos fiscais, assim como não haverá cadastro de reserva.

Sefa PA

Por último, o Pará também trabalha para abrir o concurso da Secretaria de Fazenda do Estado ainda este ano. No momento, o processo está na fase de escolha da banca, que pode ser anunciada ainda neste mês.

Ao todo, são esperadas 110 vagas para as carreiras de fiscal e auditor, com a seguinte distribuição

  • fiscal de receitas estaduais - dez vagas imediatas; e
  • auditor fiscal de receitas estaduais - 38 vagas imediatas e 62 em cadastro de reserva.

Ambas as carreiras têm o nível superior como requisito, além de remunerações de  R$11.910,51 (fiscal) e de R$15.076,58 (auditor). 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...