Concurso Depen: em enquete, 67% aprovam suspensão

FOLHA DIRIGIDA realizou uma enquete com os candidatos do concurso Depen para saber o que eles acharam da suspensão do concurso. Confira!

11/08/2020 09:30 | Atualizado: 11/08/2020 09:51

11/08/2020 09:30 | Atualizado: 11/08/2020 09:51

Na última sexta-feira, dia 7, o Departamento Penitenciário Nacional anunciou a suspensão do concurso Depen 2020. Mas, o que será que os candidatos acharam dessa medida?

FOLHA DIRIGIDA realizou uma enquete em seu perfil no Instagram para saber a opinião dos concorrentes. Ao todo, 262 internautas votaram se aprovaram ou não a suspensão.

Do total de participantes da pesquisa, 67% (175 internautas) aprovaram o adiamento das provas que estavam previstas para o próximo dia 6 de setembro. Os outros 33% não curtiram a decisão do Departamento.

O Depen ainda não divulgou a nova data de aplicação das provas. Conforme descrito na publicação que informa sobre a suspensão do concurso, o “novo cronograma de provas deve ser divulgado oportunamente”.

O adiamento não foi necessariamente uma surpresa para os concorrentes. Isso porque o adiamento das provas era motivo de especulação há semanas. 

FOLHA DIRIGIDA chegou a questionar o órgão diversas vezes sobre o assunto. Em nenhum momento a informação chegou a ser confirmada pelo órgão ou pelo Cebraspe, organizador da seleção.

Uma nova especulação sugere que seja feita a reabertura do prazo de inscrição no concurso. FOLHA DIRIGIDA já questionou o órgão sobre a possibilidade, mas não obteve retorno até o fechamento desta matéria.

+ Concurso Depen: confira 9 curiosidades sobre o departamento

Resumo do concurso Depen 2020

  • Órgão: Departamento Penitenciário Nacional
  • Vagas: 309
  • Cargos: agente federal de execução penal e especialista federal em assistência à execução penal
  • Requisitos: níveis médio e superior
  • Remuneração: de R$5.865,70 a R$6.030,23 
  • Banca: Cebraspe
  • Inscrições: 15 de maio a 6 de junho
  • Prova objetiva: a definir
Depen
Data da prova objetiva do concurso Depen estava marcada para o dia
6 de setembro (Foto: Divulgação)


Concurso Depen oferece 309 vagas em níveis médio e superior

Ao todo, o concurso Depen 2020 tem uma oferta de 309 vagas. Desse total, 294 são para o cargo de agente de execução penal.

Para concorrer à função, a exigência é o ensino médio completo. Além da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), na categoria B ou superior. A remuneração inicial para a carreira é de R$6.030,23.

As 15 oportunidades restantes são para especialista federal em assistência à execução penal, cujo requisito é o nível superior. Neste caso, são oferecidas nove chances para a especialidade de Enfermagem. 

As outras seis vagas são para as especialidades de Médico Clínico, Médico Psiquiatra, Odontologia, Psicologia, Serviço Social e Terapia Ocupacional, sendo uma para cada.

Para o cargo de especialista a remuneração inicial é de R$5.865,70. O valor, assim como o de agente, é composto por:

  • Vencimento básico;
  • Assistência Gratificação de Desempenho de Atividade Especializada do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça (GDAPEN); e
  • Auxílio-alimentação de R$458. 

O Depen contrata pelo Regime Estatutário. Ou seja, que garante estabilidade empregatícia aos servidores. 

Botão com link para assinatura

Etapas de seleção serão realizadas em todas as capitais

As avaliações serão aplicadas nas 26 capitais brasileiras. Também haverá aplicação de provas nos municípios de Catanduvas PR e Mossoró RN. 

A primeira etapa será a de provas objetivas. A avaliação terá caráter eliminatório e classificatório e será composta por 120 questões no estilo Certo ou Errado, já característico do Cebraspe.

Para o cargo de agente de execução penal, a prova contará com 30 questões de Conhecimentos Básicos, 50 de Conhecimentos Específicos e 40 de Conhecimentos Complementares. Serão cobrados itens de:

  • Conhecimentos Básicos: Língua Portuguesa, Ética no Serviço Público, Raciocínio Lógico e Informática;
  • Conhecimentos Específicos: Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Penal, Noções de Direito Processual Penal, Noções de Humanos e Participação Social e Legislação Especial;
  • Conhecimentos Complementares: Execução Penal e Departamento Penitenciário Nacional.

+ O que caiu na última prova do concurso Depen? Confira análise!

No caso dos especialistas, a prova será composta por 40 itens de Conhecimentos Básicos, 50 de Conhecimentos Específicos e 30 de Conhecimentos Complementares. Neste caso, serão abordados conteúdos de: 

  • Conhecimentos Básicos: Língua Portuguesa, Ética no Serviço Público, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direitos Humanos e Participação Social;
  • Conhecimentos Específicos: variáveis em cada especialidade;
  • Conhecimentos Complementares: Execução Penal e Departamento Penitenciário Nacional.

No mesmo dia da prova objetiva será aplicada, a todos os candidatos, uma prova discursiva que consistirá na elaboração de uma Redação. O texto deverá ter até 30 linhas e abordará um conteúdo sobre Atualidades.

+ Concurso Depen: veja possíveis temas para prova de Redação

+ Concurso Depen: saiba como se preparar para o TAF e ser aprovado

Os aprovados nas duas provas ainda passarão pelas fases de: exame de aptidão física; avaliação médica; avaliação psicológica; investigação social. Os aprovados em todas as etapas do concurso farão um curso de formação, a ser coordenado pelo próprio Depen.

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Sobre o concurso

Inscrições Encerradas

Depen 2020 - agente federal e especialista

Nacional
Até R$6030,23
Fund...
309 vagas

Carregando...