Concurso CGU: ministro anuncia novo edital em 2022 com 375 vagas

O ministro Wagner Rosário anunciou que poderá acontecer em 2022 um novo concurso CGU com 375 vagas para auditores e técnicos.

25/05/2021 08:58 | Atualizado: 26/05/2021 19:00

Por: Mateus Carvalho

25/05/2021 08:58 | Atualizado: 26/05/2021 19:00 - Por: Mateus Carvalho

Notícia importante a respeito do concurso CGU. O ministro da Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário, confirmou que deverá ser divulgado um novo edital, em 2022, com 375 vagas.

As chances, segundo ele, serão para auditores e técnicos, assim como previsto.

A declaração de Rosário foi dada em entrevista ao Direto ao Ponto, da Jovem Pam, quando disse:

”Se Deus quiser, eu tive reunião essa semana com o ministro Paulo Guedes (ministro da Economia), nós vamos estar abrindo concurso ano que vem (2022) para 300 auditores e 75 técnicos”.

A informação dada pelo ministro da CGU, dessa forma, confirma o quantitativo que deve ter sido solicitado ao Ministério da Economia. 

 

Concurso CGU: pedido para novo edital é confirmado

A declaração de Rosário confirma a informação dada por Folha Dirigida, no último dia 14. A Controladoria-Geral da União confirmou que faria um novo pedido de concurso para novo edital.

Este edital é para provimento em 2022, mas, se autorizado, pode sair ainda este ano.

A CGU ainda depende de um aval do Ministério da Economia, que avalia e analisa todos os pedidos enviados. Os órgãos federais têm até 31 de maio para protocolarem as suas solicitações.

Além disso, a CGU explicou qual foi o destino da solicitação enviada anteriormente à pasta econômica:

"A solicitação encaminhada no ano de 2020 foi recepcionada pelo Ministério da Economia, mas não houve deliberação quanto ao pedido, por parte daquela Pasta."

(Foto: Divulgação)
Concurso da CGU poderá ser divulgado com 375 vagas
(Foto: Divulgação)

Pedido de concurso CGU será para cargos de médio e superior

O ministro confirmou que as vagas são para técnicos e auditores, os mesmos cargos já solicitados em anos anteriores. Em 2020, a CGU informou que os cargos contemplados eram de níveis médio e superior.

O quantitativo de vagas não foi confirmado, naquela época, mas os cargos pedidos foram:

  • Técnico federal de finanças e controle; e
  • Auditor federal de finanças e controle.

Sobre o sigilo a respeito do quantitativo de vagas, a CGU informou que era por se tratar de um documento preparatório, cuja informação interfere na tomada de decisão da pasta, quando ao aval ou não do concurso. Por isso, não será informado pelo órgão.

Quando ganha os técnicos e auditores da CGU?

O cargo de técnico é para nível médio e não exige curso específico ou experiência. A carreira proporciona uma remuneração inicial de R$7.741,31, já com o auxílio-alimentação de R$458. 

Para o auditor, é preciso nível superior. A remuneração é de R$19.655.06, com o auxílio-alimentação de R$458. Além disso, ainda poderão ser oferecidos outros benefícios, que não foram mencionados.

A CGU tem carga de trabalho de 40 horas semanais, com as contratações pelo regime estatutário, que assegura a sonhada estabilidade.

Déficit da CGU é grande

Sem edital de concurso há anos, a controladoria só vê o seu déficit de pessoal crescer. O número de cargas vagos sobe a cada ano e já atingiu mais de 3 mil vacâncias.

De acordo com dados revelados pela própria CGU à Folha Dirigida, são 3.017 oportunidades em abertas, sendo:

  • 1.617 cargas vagas de técnico federal de finanças e controle (TFFC); e
  • 1.400 cargas vagas de auditor federal de finanças e controle (AFFC).

Vale destacar que estes foram os dois cargos incluídos no pedido de concurso CGU para 2021, que ainda segue sem resposta. Mas, o órgão não revelou qual foi o quantitativo de vagas solicitado.

 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...