Concurso CBMERJ: conheça as carreiras de soldado e oficial
Saiba a dirença entre as carreiras de soldado e oficial do Corpo de Bombeiros do Rio, que prepara um novo concurso CBMERJ.
04/05/2022 10:30 | Atualizado: 04/05/2022 17:50
04/05/2022 10:30 | Atualizado: 04/05/2022 17:50

O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro publicará, nos próximos dias, o edital do seu novo concurso CBMERJ, com 40 vagas para oficiais. Além disso, estudos internos tentam viabilizar mais um edital, desta vez com 800 oportunidades, para soldados e sargentos. 

Mas, qual a diferença entre as carreiras do CBMERJ? O que é preciso para ingressar na corporação? Por que as escolaridades são as mesmas e quando há ou não limite de idade? Essas e outras dúvidas Folha Dirigida responde abaixo. Confira!

Anualmente, o CBMERJ prepara um concurso para o seu Curso de Formação de Oficiais (CFO). Com base nos últimos editais e nos processos internos, a seleção exigirá o nível médio completo dos candidatos, sem cobrar limite de idade.

Segundo o professor especialista em TAF e bombeiro militar, Elon Júnior, é preciso ter o nível médio e não superior, como acontece em outros estados, porque o ingresso e formação na Academia de Bombeiro Militar Dom Pedro II, após três anos, equivale a uma graduação.

"Quem entra para oficial direto precisa passar três anos na Academia, ficando assim como cadete no primeiro, segundo e terceiro ano. Acabando a formação, ele é declarado a aspirante a oficial, ficando seis meses, até ser declarado segundo-tenente".

De acordo com o Corpo de Bombeiros RJ, o salário bruto de um cadete (militar em formação para se tornar oficial) é de, aproximadamente, R$3.200. Após três anos de formação, os vencimentos, já como aspirante, chegam a R$6 mil

Já os cargos de soldados e sargentos costumam exigir o nível médio ou técnico, dependendo da especialidade. Além disso, a corporação também não costuma aplicar uma idade limite para participação nas seleções.

"Não há mais essa restrição de idade", explica o preparador.

A carreira de praças também se diferencia em seus postos. Quem ingressa na corporação como soldado pode evoluir para os postos de cabo, 3º sargento, 2º sargento, 1º sargento até a graduação de subtenente.

Neste caso, os soldados podem ingressar com ganhos iniciais de R$1.226,94, no primeiro ano, e de R$3.452,55, a partir do segundo ano.

Concurso CBMERJ para oficiais é o próximo

O próximo edital do Corpo de Bombeiros será para o seu concurso CBMERJ, com 40 vagas no Curso de Formação de Oficiais (CFO).

Conforme os últimos editais publicados para a carreira, os candidatos precisarão ter apenas o nível médio completo. Além disso, não há limite de idade.

Em abril, foi publicado o extrato do contrato entre a Fundação Getulio Vargas (FGV), banca organizadora. Desta forma, é questão de tempo até a publicação do edital, que pode ocorrer a qualquer momento.

Corporação estuda novo concurso CBMERJ para soldados e tem edital para o CFO iminente (Foto: Governo do RJ)
Corporação estuda novo concurso CBMERJ para soldados
e tem edital para o CFO iminente (Foto: Governo do RJ)

Os candidatos serão avaliados em diversas etapas. A primeira delas, a prova objetiva, tem 100 questões previstas, sendo elas de:

  • Língua Portuguesa (15 perguntas);
  • Matemática (15);
  • Física (15);
  • Química (15);
  • Biologia (dez);
  • Geografia (dez);
  • História (dez);
  • Língua Estrangeira - Inglês (cinco); e
  • Sociologia (cinco).

CBMERJ estuda edital com 800 vagas

Quem aguarda por um concurso CBMERJ, com oportunidades efetivas para soldados, pode contar com uma seleção em breve. Isso porque o Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro elaborou um estudo técnico preliminar, que visa preencher 800 vagas.

De acordo com o documento, o qual Folha Dirigida teve acesso, as necessidades da corporação visam ao ingresso de 670 soldados e 130 sargentos músicos, conforme a distribuição abaixo:

QUALIFICAÇÃO

SUBESPECIALIZAÇÃO

VAGAS

0 (Combatente)

Pedreiro

14

Eletricista (predial)

6

Eletricista (eletrotécnico)

8

Bombeiro Hidráulico

6

Carpinteiro

6

Pintor

12

2 (Condutor e operador de viaturas)

CNH tipo D

130

CNH tipo E

100

3 (Artífice)

Mecânico (motor à diesel)

36

Mecânico (motor à gasolina)

20

Mecânico (motor de 2 tempos)

14

Mecânico (refrigeração automotiva)

8

Mecânico (eletricista automotivo)

12

Mecânico (eletromecânico)

12

Lanterneiro

16

Lanterneiro (pintor de automóveis)

16

Serralheiro

16

Borracheiro

12

4 (Músico)

Músico (clarinetista)

22

Músico (flautista)

6

Músico (flautinista)

2

Músico (saxofonista)

6

Músico (fagotista)

2

Músico (oboista)

3

Músico (trompetista)

8

Músico (trombonista)

9

Músico (bombardinos)

4

Músico (tubista)

6

Músico (trompista)

8

Músico (contrabaixista)

6

Músico (percursionista)

9

Músico (pianista)

1

Músico (violinista)

22

Músico (violista)

8

Músico (violoncelista)

8

5 (Telecomunicações)

Telecomunicações (técnico em telefonia)

10

Telecomunicações (ténico em radiofonia)

10

Telecomunicações (Eletrotécnico em Telecomunicações)

6

7 (Corneteiro)

Corneteiro

50

8 (Marítimo)

Mestre-de-Lancha

150

TOTAL

------------------

800

 

Em todos os casos, o CBMERJ afirma que exigirá o nível médio completo, sem limite de idade para participar do concurso.

Ainda segundo o documento, caso o concurso seja autorizado pelo Governo do Estado, os candidatos serão avaliados em diversas etapas, sendo a primeira delas a prova objetiva, contendo 60 questões:

  • Língua Portuguesa (15);
  • Raciocínio Lógico (15); e
  • Conhecimentos Específicos (30).

O estudo técnico também traz a possibilidade de distribuição das vagas por todo o Estado do Rio de Janeiro. Caso o concurso seja autorizado, o CBMERJ espera receber até 100 mil candidatos.

Quer receber novidades sobre concursos?
Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!
Newsletter
Receba notícias recomendadas para você!
É só se cadastrar e seguir concursos de seu interesse para receber notícias exclusivas direto na sua página inicial.
icon