Concurso Bombeiros RJ: corporação quer fixar idade para ingresso

Com novo concurso Bombeiros RJ previsto, a corporação trabalha em um projeto de lei, que vai regulamentar a idade para ingresso nos cargos.

06/05/2021 16:10 | Atualizado: 10/05/2021 12:26

Por: Juliana Goes

06/05/2021 16:10 | Atualizado: 10/05/2021 12:26 - Por: Juliana Goes

O Corpo de Bombeiros do Estado Rio de Janeiro (CBMERJ) quer regulamentar a idade para ingresso nos cargos da corporação, por meio dos concursos públicos. Conforme minuta do Projeto de Lei Estadual, serão requisitos:

  • para os candidatos ao curso de formação de oficiais combatentes, possuir no mínimo 16 e no máximo 30 anos de idade, até 31 de dezembro do ano de sua matrícula;
  • para os candidatos aos demais quadros de oficiais, que tenham como requisito formação acadêmica anterior (nível superior), possuir no mínimo 18 e no máximo 35 anos de idade, até 31 de dezembro do ano de sua matrícula; e
  • para os candidatos aos cargos de praça, incluindo todas as qualificações de bombeiro militar, possuir no mínimo 18 e no máximo 30 anos de idade, até 31 de dezembro do ano de sua matrícula.

O projeto confirma ainda requisitos como escolaridade, altura (mínima e máxima) e carteira de habilitação, sendo esta apenas nos casos em que o edital exigir.

Desta forma, será exigido o nível médio completo para o ingresso de oficiais combatentes e praças. No caso dos quadros de oficiais, em que for exigida a formação acadêmica específica, a graduação será cobrada. 

Nas demais qualificações de bombeiro militar, o edital terá o nível médio mais formação específica como requisito.

Além disso, o Corpo de Bombeiros exigirá, para candidatos do sexo masculino, altura mínima de 1,60m e, se do sexo feminino, 1,55m. Essa regra apenas não será aplicada no caso do concurso para oficiais combatentes. 

Neste caso, a altura mínima aos candidatos com até 16 anos de idade será de 1,57m (homens) e de 1,52m (mulheres).

Segundo o Corpo de Bombeiros, para fundamentar essa discussão, foram estudados os concursos de 2008 até o momento. Além disso, a corporação entendeu que precisa regulamentar o ingresso nos seus cargos.

"Não existe lei que regulamente o ingresso na instituição, de forma que os certames realizados no âmbito do Casarão Vermelho têm por base apenas os editais", justifica o CBMERJ.

Desta forma, os Bombeiros RJ trabalham nessa regulamentação. O Projeto de Lei será enviado ao governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, para ser validado. Posteriormente, o PL será encaminhado para aprovação da Assembleia Legislativa (Alerj).

CBMERJ trabalha na regulamentação de ingresso nos cargos, por meio de concursos Bombeiros RJ (Foto: Governo do RJ)
CBMERJ trabalha na regulamentação de ingresso nos cargos,
por meio dos concursos Bombeiros RJ (Foto: Governo do RJ)

PGE já aprovou regulamentação do SMTV

No momento, apenas um concurso Bombeiros RJ está confirmado, sendo este para o Serviço Militar Temporário Voluntário. O ingresso, nesse caso, foi regulamentado em 2020 e traz regras específicas. 

Em relação a essa regulamentação, a Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro (PGE) já aprovou a minuta do edital do próximo concurso CBMERJ

O parecer da PGE concluiu pela constitucionalidade e legalidade do recrutamento de bombeiros temporários, assim como a regularidade geral do edital.

Novo concurso Bombeiros RJ será para temporários

O próximo concurso Bombeiros RJ será organizado pela Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência ligada à Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (FunRio).

Ao todo, estão previstas 3 mil vagas temporárias, nos cargos de soldado e oficial, sendo este último para o quadro da Saúde.

Conforme proposta técnico-orçamentária da seleção, as vagas de soldado serão para:

  • combatente;
  • motorista (combatente com CNH tipo B);
  • guarda-vidas; e
  • técnicos de enfermagem e socorrista.

Já as oportunidades para oficial temporário serão na área da Saúde, nos cargos de médico (diversas especialidades), enfermeiro, assistente social, nutricionista, psicólogo, fisioterapeuta e fonoaudiólogo.

Prepare-se para concursos com a Folha Cursos

Folha Cursos

Ainda segundo a proposta, a escolaridade exigida para o oficial será o nível superior completo, com graduação na área de interesse. No caso dos médicos especialistas, será preciso ter a especialidade correspondente.

Já para as vagas de soldado temporário, o candidato deverá ter o nível médio completo. Nos casos das oportunidades para técnicos de enfermagem, o curso técnico na área será exigido.

Como prevê o SMTV, além da escolaridade, a idade máxima para ocupar o posto de praça temporário será de 25 anos e a de oficial temporário de 35 anos.

Ainda de acordo com a lei, tanto os praças quanto os oficiais temporários terão, no segundo ano de serviço, remuneração similar mas não superior a de um bombeiro da classe ou nível e escala hierárquica.

Veja aqui a distribuição das 3 mil vagas por todo o estado

Resumo sobre a seleção

  • Órgão: Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ)
  • Cargos: soldado e oficial
  • Vagas: 3 mil temporárias
  • Requisitos: níveis médio e superior, com idade entre 25 e 35 anos, respectivamente
  • Remuneração: salário similar a de um bombeiro a partir do segundo ano
  • Banca: FunRio
  • Edital: previsto para 2021

Saiba como serão as provas para os temporários

O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro espera receber até 100 mil inscritos para o processo seletivo de temporários Ao todo, estão previstas duas etapas de seleção.

prova objetiva será a primeira delas e contará com 50 questões para soldados e 60 para oficiais temporários. O exame deverá ocorrer 60 dias após a divulgação do edital.

As disciplinas também irão variar conforme a carreira e especialidade escolhidas pelo candidato. Nesse caso, a avaliação terá a seguinte distribuição:

Médico socorrista

  • 15 questões de Língua Portuguesa; e
  • 45 de Conhecimentos de Medicina e Medicina de Emergência.

Médico (demais especialidades)

  • 15 questões de Língua Portuguesa;
  • 20 de Conhecimentos de Medicina e Medicina de Emergência; e
  • 25 questões específicas da área da Medicina correspondente.

Enfermeiro, assistente social, nutricionista, psicólogo, fisioterapeuta e fonoaudiólogo

  • 15 questões de Língua Portuguesa; e
  • 45 específicas da área correspondente.

Soldado combatente e motorista

  • 15 questões de Língua Portuguesa;
  • 15 questões de Matemática; e
  • 20 questões de Raciocínio Lógico.

Soldado técnico de enfermagem e socorrista

  • 15 questões de Língua Portuguesa;
  • dez questões de Matemática; e
  • 25 questões de Conhecimentos Específicos.

Soldado guarda-vidas

  • 15 questões de Língua Portuguesa;
  • 15 questões de Matemática; e
  • 20 questões de Raciocínio Lógico.

Os aprovados realizarão o Teste de Aptidão Física (TAF). A aplicação das etapas deverá ser realizada em todo o Estado do Rio de Janeiro, de forma regionalizada.

Saiba como se preparar para o TAF dos Bombeiros RJ

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...