Concurso Bombeiros MG: inscrições para 166 vagas até esta quinta, 2

Corpo de Bombeiros de Minas Gerais publica editais do novo concurso com 166 vagas para soldados e oficiais. Confira!

04/08/2021 09:45 | Atualizado: 02/09/2021 09:34

04/08/2021 09:45 | Atualizado: 02/09/2021 09:34

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais publicou nesta quarta-feira, 4, os editais do novo concurso com 166 vagas para soldados e oficiais. As remunerações iniciais podem chegar a R$10 mil. 

Ambos os cargos têm como requisito o ensino médio completo, idade entre 18 e 30 anos e altura mínima de 1,60m. Do total de vagas, 145 são para soldados, sendo 130 para homens e 15 para mulheres. O salário inicial é de R$4.631,21.

Há ainda 21 oportunidades para oficiais. Nesse caso, são 18 para o sexo masculino e três para o sexo feminino. As remunerações, em início de carreira, são de R$10.028,29.

No caso da carreira militar no estado, não é pago auxílio-alimentação ou auxílio-transporte. O que está previsto na legislação é a concessão de adicional de desempenho a cada cinco anos de até 10%. Além de abono fardamento e suporte médico, odontológico e psicológico.

Bombeiros de Minas Gerais em fila
Concurso Bombeiros MG tem oferta de 166 vagas para soldados
e oficiais (Foto: Divulgação)

Não há reserva de vagas para pessoas com deficiência, tendo em vista a natureza do cargo. A idade será aferida na data de inclusão ao Corpo de Bombeiros. 

Concurso Bombeiros MG terá inscrições até setembro

As inscrições do concurso Bombeiros MG estão abertas a partir desta quarta, 4 de agosto. Os interessados poderão se candidatar até 2 de setembro, pelo site da Fundep , banca organizadora. 

O primeiro passo é preencher o formulário com todos os dados solicitados. Em seguida, gerar o boleto de R$92 para soldados e R$200 para oficiais. 

Somente desempregados ou membros de famílias de baixa renda podem solicitar a isenção da taxa. Para isso é necessário preencher o requerimento específico até 6 de agosto, pelo portal da Fundep. 

Também é preciso enviar a documentação comprobatória das condições. 

Você sabia que a Folha Dirigida também tem cursos preparatórios para concursos? A Folha Cursos dispõe de videoaulas, material escrito e questões comentadas para te ajudar no caminho até a posse.

Confira os cursos preparatórios e comece já seus estudos!

Provas do concurso CBM MG estão marcadas para outubro

O concurso Bombeiros MG será composto por: provas objetivas, provas discursivas (apenas para oficiais) e teste de capacitação física (TCF). Todas de caráter eliminatório e classificatório. 

Para oficiais, as avaliações objetivas e discursivas estão marcadas para o dia 3 de outubro. Já para soldados, os exames objetivos serão em 10 de outubro. Os concorrentes deverão responder a 50 questões, distribuídas pelas seguintes disciplinas:

Soldados

  • Língua Portuguesa - 10 questões;
  • Matemática - 10 questões;
  • Geografia - 5 questões;
  • História - 5 questões;
  • Direitos Humanos - 5 questões;
  • Química - 5 questões;
  • Bilogia - 5 questões;
  • Física - 5 questões. 

Oficiais

  • Língua Portuguesa - 5 questões;
  • Matemática - 5questões;
  • Física - 5 questões;
  • Química - 5 questões;
  • Geografia - 5 questões;
  • Biologia- 5 questões;
  • Inglês - 5 questões;
  • Direitos Humanos - 5 questões;
  • História- 5 questões;
  • Literatura Brasileira- 5 questões.

As provas serão aplicadas nas cidades de: Belo Horizonte, Divinópolis, Juiz de Fora, Montes Claros, Poços de Caldas, Varginha, Governador Valadares, Uberaba e Uberlândia.

Somente os inscritos a oficial também serão submetidos a prova de redação, em que deverão elaborar um texto sobre tema contemporâneo de Conhecimento Geral. 

Serão convocados para segunda fase os 400 melhores colocados para as vagas de soldado, sendo 325 homens e 75 mulheres. Já para oficial serão chamados os 60 concorrentes com melhores notas nas provas objetivas e discursivas, dos quais 45 do sexo masculino e 15 do sexo feminino. 

No teste de capacitação física, os candidatos deverão desempenhar os seguintes exercícios: 

  • Teste de Resistência Aeróbica;
  • Teste de Flexão Abdominal;
  • Teste de Força Muscular de Membros Superiores;
  • Teste de Agilidade (Shuttle-Run);
  • Teste de Habilidade Natatória.

O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período. 

Concurso Bombeiros MG: curso de formação será em 2022

Os aprovados em todas as etapas do concurso ainda passarão por um curso de formação, previsto para ocorrer em 2022. Para soldados, o início das aulas está marcado para 14 de março, em tempo integral, com regime de dedicação exclusiva e atividades extraclasse após às 18h, inclusive aos sábados, domingos e feriados. 

Para oficial, o curso começará em 4 de abril. Todos os aprovados serão chamados de uma única vez. Não há previsão de formação de um cadastro de reserva.

No concurso Bombeiros MG os aprovados são nomeados antes de ingressar no curso de formação, como explicou o porta-voz da corporação, tenente Pedro Aihara, em entrevista exclusiva à Folha Dirigida.

“Tanto para oficiais como para soldado, o aprovado no concurso já é considerado um militar durante o curso de formação e é remunerado”.

Para soldados, no decorrer do curso, o valor será de R$3.962,23. Já para oficiais (nomeados como cadete no curso) será de R$6.519,44. 

O curso de formação de soldados tem duração mínima de oito meses. Já o de oficiais dura três anos e funciona como um Bacharelado em Ciências Militares, com ênfase em gestão e prevenção de catástrofes.

“No caso de oficiais, o militar pode entrar com nível médio e sair com uma graduação”, frisou o porta-voz da corporação.

De acordo com o tenente Aihara, os concursos Bombeiros MG não são atrelados a uma cidade específica. A escolha da lotação só ocorre após o curso de formação.

“Próximo da formatura no curso de formação é feita uma análise de quais são os locais que mais precisam de pessoas. Os melhores colocados terão preferência para escolher a lotação entre as unidades disponíveis. Ao longo da carreira, sempre tentamos fazer um casamento da corporação e o interesse do militar para onde tenha algum vínculo”, detalhou.

Qual a diferença entre as carreiras de soldado e oficial?

Soldados e oficiais do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais têm como requisito o nível médio completo. Então quais seriam as diferenças entre as carreiras, além do salário? Folha Dirigida levou essa dúvida ao porta-voz da corporação, tenente Pedro Aihara.

Ainda que os dois cargos tenham os mesmos requisitos, na prática as atribuições são diferentes.

“O soldado está relacionado as ações de busca, salvamento, resgate, atendimento pré-hospitalar. Mas, sob um aspecto de execução das atividades. É efetivamente quem mais vai estar na rua atendendo as ocorrências do Corpo de Bombeiros”, especificou Aihara.

Enquanto os oficiais também envolvem as atividades de busca, salvamento, resgate, mas sob uma perspectiva de coordenação e gerenciamento.

“Serão aqueles militares que estarão comandando as operações e gerenciando soldados na execução das atividades. Ou então em setores estratégicos da corporação, definindo questões como planejamento, de logística e a parte financeira”.

Além disso, o curso de formação de oficiais é válido como uma graduação, o Bacharelado em Ciências Militares, com ênfase em gestão e prevenção de catástrofes. 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...