Concurso Anvisa 2016: autorizada a nomeação de mais aprovados

Concurso Anvisa recebe autorização do governo para nomear mais candidatos aprovados. Cargo contemplado é o técnico administrativo.

30/08/2019 08:19 | Atualizado: 30/08/2019 11:22

30/08/2019 08:19 | Atualizado: 30/08/2019 11:22

Foi autorizada a nomeação de mais um grupo de aprovados no último concurso público da Anvisa, homologado em 2017. O aval foi divulgado no Diário Oficial da União desta sexta-feira, 30, assinado pelo secretário Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Uebel.

No total, 11 candidatos serão empossados em cargos de técnico administrativo, de nível médio. A remuneração inicial é de R$7.016,67. As contratações são feitas pelo regime estatutário, que assegura estabilidade. Os selecionados ainda têm direito a auxílio-alimentação. 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária já havia anunciado a convocação de aprovados neste ano. A expectativa é que novas chamadas sejam autorizadas até dezembro. 

Acontece que, só até junho, já existiam 46 cargos de técnico administrativo que estavam vagos. A validade do concurso foi prorrogada até março de 2021 e a Anvisa pode continuar chamando aprovados neste período para suprir o déficit. 

Anvisa inicia trâmites para chamar mais aprovados no concurso de 2016

Aberto em setembro de 2016, o concurso Anvisa para técnico administrativo ofertou 78 vagas imediatas. Contudo, com as 11 convocações autorizadas nesta sexta, a seleção já contabiliza 101 convocados. 

Até o mês de junho o órgão havia chamado 90 aprovados, sendo 65 na ampla concorrência. Destes, contudo, 12 haviam desistido antes da nomeação. 

Passou no concurso e não foi convocado? Saiba seus direitos

(Foto: Divulgação)
Sem concurso, Anvisa tem déficit de servidores em outras carreiras
(Foto: Divulgação)

Outras carreiras da Anvisa não têm concurso em validade

Apesar de possuir concurso vigente até 2021 para o cargo de técnico, a Anvisa possui déficit em outras carreiras do seu quadro de pessoal, sem edital em validade. Este ano o órgão anunciou que não renovou o pedido de concurso público ao Governo Federal.

A solicitação encaminhada anteriormente deverá continuar sob análise do Ministério da Economia. A autarquia havia solicitado o aval para publicar edital com 697 vagas. Seriam 457 oportunidades para especialistas, 68 para analistas e mais 172 para técnicos.

Sem concurso, Anvisa tem 85 cargos vagos de níveis médio e superior

Os números incluem cargos já vagos e a criação de novos. Segundo últimos dados levantados, a Anvisa tem déficit de 85 cargos: oito de analista, 29 de especialista, dois de técnico em regulaçao sanitária e 46 de técnico administrativo.

Os cargos de especialista e analista exigem formação de nível superior e possuem vencimentos iniciais de R$15.058,12 e R$13.807,57, respectivamente. Já para técnico em regulação, assim como o técnico administrativo, a exigência é o nível médio completo. Os servidores possuem ganho inicial de R$7.388,37. 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...