Folha Dirigida Entrar Assine

Notícias sobre Especial - Noticiário

Segurança: PRF e Depen têm 2.140 vagas programadas


As oportunidades para quem deseja trabalhar na área da Segurança Pública federal não irão se limitar ao concurso prestes a ser aberto pela Polícia Federal (PF). Para o ano que vem, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) já planejam concursos com oferta total de até 2.140 vagas em cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior, com remuneração inicial variando de R$3.521,84 a R$6.791,25. Os pedidos de autorização estão em análise no Ministério do Planejamento.

Executivo federal já soma 223 mil vagas ociosas


Inchaço da máquina pública? A acusação, feita frequentemente pela oposição, não encontra respaldo nos números oficiais, pelo menos no que diz respeito ao Executivo federal: portaria da Secretaria de Gestão Pública do Ministério do Planejamento publicada no Diário Oficial da última sexta-feira, dia 25, informa a existência de 223.120 vagas.

Depois da Copa, é hora de preparar-se para concursos


Não há como negar que o Brasil fez bonito no campo da organização da Copa do Mundo e na receptividade aos estrangeiros. Dentro das quatro linhas, no entanto, a 'família trapo Scolari' deixou a desejar, brindando os brasileiros com atuações apagadas e um pouco honroso quatro lugar. O jeito é juntar os cacos, rever projetos e, para a torcida, sonhar com o título de hexacampeão somente daqui a quatro anos, no Mundial da Rússia. Mas você, concurseiro, não precisa esperar tanto para marcar o gol decisivo da sua vida. A realização de seu sonho pode estar ali na esquina do tempo, a poucos meses de distância. Levantamento feito pela FOLHA DIRIGIDA indica que uma série de concursos federais estão programados para os próximos meses, no mais tardar, para 2015.

Sancionada lei de cotas nos concursos federais


A presidente Dilma Rousseff sancionou nesta segunda-feira, dia 9, a lei que estabelece 20% de cotas para negros e pardos em concursos públicos federais. A publicação da sanção ocorreu no Diário Oficial da União (DOU) desta terça, dia 10. Com isso, a lei passa a vigorar de imediato e, inicialmente, por dez anos. Após esse período, a política de cotas será reavaliada como um todo, prevê o projeto.

Temporários terão que fazer concurso


O Supremo Tribunal Federal (STF) julgou inconstitucional a Lei 4.599/2005, que dispõe sobre a contratação temporária de pessoal pela administração pública direta, autárquica e fundacional do Estado do Rio de Janeiro, sem a realização de concurso público.

Senado aprova cotas nos concursos federais


O Senado aprovou na última terça, 20 de maio, a reserva de vagas para negros ou pardos em concursos públicos federais. Os senadores aprovaram o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 29/2014, que garante aos candidatos negros 20% das vagas de concursos a serem realizados por órgãos da administração pública federal, autarquias, fundações, empresas públicas e sociedades de economia mista controladas pela União. O texto estabelece que poderão concorrer às vagas reservadas aqueles que se autodeclararem negros ou pardos no ato da inscrição no concurso público, segundo quesitos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Haverá cota racial sempre que o número de vagas oferecidas for igual ou superior a três.

Exército e Aeronáutica inscrevem para 2.574 vagas


As Forças Armadas brasileiras costumam oferecer ótimas chances para aqueles que desejam ingressar na carreira pública. E o momento atual é particularmente fértil. Juntos, Exército e Aeronáutica recebem inscrições para 2.574 vagas em diferentes processos seletivos. Há oportunidades para quem possui apenas o nível médio - casos dos certames para sargentos do Exército e da Aeronáutica, com vencimentos iniciais de R$3.267 após o curso de formação. Outros destaque é o concurso para cadetes do Exército, com oferta de 500 vagas para homens, exigindo nível médio e pagando R$6.747 após a formação. No Exército, há outras 80 vagas destinadas a quem possui nível médio/técnico na área de Enfermagem. Há seleção aberta também para músicos (apenas 2º grau). Confira abaixo as oportunidades com inscrições abertas:

Cotas em concursos federais serão votadas dia 13


Em entrevista à FOLHA DIRIGIDA Online, a senadora Ana Rita (PT-ES), falou sobre o projeto de cotas para o serviço público federal, do qual é relatora. A proposta, que reserva 20% das vagas em concursos públicos federais para afrodescendentes, foi aprovada por unanimidade pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado na última quarta, dia 7. E seguirá para votação em plenário na próxima terça, dia 13. O texto estabelece que poderão concorrer às vagas reservadas a candidatos negros aqueles que se autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição no concurso público, segundo quesitos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Aprovada por CCJ do Senado, cota para negros avança


A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta, dia 7, por unanimidade a proposta que reserva 20% da vagas em concursos públicos federais para afrodescendentes, pelos próximos dez anos (PLC 29/2014). O texto, que pode ser votado ainda nesta quarta-feira no plenário da Casa, estabelece que poderão concorrer às vagas reservadas a candidatos negros aqueles que se autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição no concurso público, segundo quesitos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Caso o texto que já passou pela CCJ seja aprovado sem alterações no plenário da Casa a proposta vai à sanção presidencial.