Folha Dirigida Entrar Assine

Notícias sobre Caixa 2013 - Técnico bancário

Estatal não apresenta proposta de acordo à Justiça


A primeira audiência de conciliação com a Caixa Econômica Federal (CEF), realizada no último dia 12, na 6ª Vara do Trabalho de Brasília (DF), em virtude da ação civil pública impetrada pelo Ministério Público do Trabalho da 10ª Região (MPT-10), do Distrito Federal e de Tocantins, que recomenda a convocação dos aprovados dos dois últimos concursos do banco, de 2014, não teve um final positivo. É que a estatal não apresentou qualquer proposta de acordo.

Reunião de conciliação acontecerá no próximo dia 12


Falta menos de uma semana para a primeira audiência que tratará da suspensão do prazo de validade do último concurso da Caixa Econômica Federal (CEF), de 2014, para técnico bancário e médico e engenheiro do trabalho. O encontro ocorrerá na tarde de 12 de abril em Brasília, no Tribunal Regional do Trabalho da 10º Região (TRT10), que abrange o Distrito Federal e Tocantins. A Assessoria de Imprensa da estatal informou que já foi notificada  da ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho  da 10ª Região (MPT10) e que recorrerá da decisão, mas não disse quando isso acontecerá.

Banco é notificado sobre prorrogação de concursos


A Caixa Econômica Federal (CEF) já foi notificada da ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) da 10ª Região, do Distrito Federal e Tocantins, que pede a prorrogação do prazo de validade dos concursos de 2014, para técnico bancário, médico e engenheiro do trabalho. E, de acordo com a Assessoria de Imprensa do banco, a estatal recorrerá da decisão. A primeira audiência do caso está marcada para 12 de abril.

Cota é motivo de nova ação judicial do MPT


Além da ação civil pública impetrada pelo procurador Carlos Eduardo Carvalho, da Procuradoria Regional do Trabalho da 10ª Região (DF e TO), para que a Caixa Econômica Federal suspenda a contagem da validade dos dois concursos de 2014 (para os níveis médio e superior), até que haja o julgamento do processo, a empresa também foi notificada, no início deste mês, quanto a outra situação: o número de deficientes que atuam na estatal.

Justiça prorroga validade do concurso de 2014


Uma liminar concedida na última sexta-feira, dia 29, poderá beneficiar mais de 30 mil pessoas. Trata-se dos aprovados no concurso de 2014 da Caixa Econômica Federal (CEF), que agora terão condições de serem chamados pela estatal. É que a validade dos dois certames daquele ano (para técnico bancário, médico e engenheiro do trabalho), que venceriam em junho, foi prorrogada até que seja concluída toda a tramitação da ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) da 10ª Região, do Distrito Federal e Tocantins.

MPT ajuiza ação civil para ampliar validade do concurso


Foi em clima de decepção que a comissão dos aprovados do concurso de 2014 da Caixa Econômica Federal (CEF) e sindicalistas deixaram a última reunião com representantes do banco na sexta, dia 22. É que no encontro, membros da estatal alegaram que, no atual momento, não há como elaborar um cronograma com previsão de convocação de mais classificados no certame nem como realizar uma nova seleção pública em 2016, já que segundo eles, é preciso cortar gastos. A fim de tentar reverter essa situação, o procurador Carlos Eduardo Carvalho Brisolla, do Ministério Público do Trabalho (MPT) do Distrito Federal, ajuizou uma ação civil pública com pedido de liminar na última segunda-feira, dia 25, para que o banco prorrogue por tempo indefinido a validade do concurso de 2014, que vence em 16 de junho, após o prazo já ter sido postergado no ano passado.

Prazo para explicar chamadas termina terça, 26


Termina na próxima terça-feira, dia 26, o prazo de 10 dias para que a Caixa Econômica Federal (CEF) apresente ao Ministério Público do Trabalho (MPT) a relação dos aprovados no concurso de 2014 para técnico bancário e que foram efetivamente admitidos desde 17 de junho de 2014, apontados por micro-polo. Além disso, o banco também terá de entregar ao órgão o número de vacâncias que surgiram desde então por aposentadorias e outras razões, especificando-as também por micro-polo. A determinação foi do procurador do trabalho Carlos Eduardo Carvalho Brisolla, da Procuradoria Regional do Trabalho da 10ª Região - DF/TO, em 8 de janeiro.

Presidente diz que novo concurso está em discussão


Em uma cerimônia de entrega de apartamentos do programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, na última sexta-feira, dia 8, a presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Miriam Belchior, falou à FOLHA DIRIGIDA que o banco já discute sobre um novo concurso para técnico bancário (nível médio) neste ano, porém foi cautelosa sobre quando o edital poderá ser divulgado. (...) #vaiterconcurso

Banco pode abrir concurso este ano para nível médio


Mesmo sem a confirmação oficial do banco, é provável que a Caixa Econômica Federal (CEF) abra concurso para técnico bancário ainda este ano. Isto porque é tradição da estatal publicar novos editais cerca de três meses antes da validade da seleção anterior terminar, a fim de manter um cadastro de reserva sempre atualizado. O último concurso para técnico bancário, realizado em 2014 e já com prazo prorrogado, perderá a sua validade em 16 de junho. #vaiterconcurso