fbpx

Palestrão Segurança RJ: planejamento de estudos para concursos

Compartilhe o conteúdo

Entender a melhor forma de organização e planejamento de estudos para concursos públicos é determinante para a aprovação final. Mas essa não é uma missão fácil. É preciso muita dedicação.

E quem é exemplo de um planejamento de sucesso é o professor Leonardo Murga, que após muito empenho, foi aprovado para auditor de controle externo do Tribunal de Contas do Distrito Federal.

Quando iniciou os estudos, Leo não tinha em mente o concurso que gostaria de estudar, muito menos qual era a função de um auditor de controle externo.

Foi uma jornada com diversos ciclos para chegar até a realização do seu objetivo final: se tornar um servidor público.

Para falar mais sobre sua trajetória e ensinar ciclos de estudo, Leo é um dos convidados no Palestrão Futuro Servidor – Carreiras da Segurança (Edição RJ), evento que será realizado no dia 25 de janeiro de 2020, no Rio de Janeiro.

blog-leo

Leonardo Murga é especialista em organização e planejamento de estudos

Leonardo largou o emprego e estudou por quase quatro anos

Formado em Administração de Empresas, Leonardo Murga trabalhava em uma empresa privada multinacional de Tecnologia quando decidiu estudar para concursos.

Leo conta que a jornada foi fantástica, com muitas dores e problemas, mas o resultado final compensou todos os obstáculos. O diferencial foi ter um planejamento eficiente.

“Você deve encarar o estudo para concursos públicos como um trabalho. É uma atividade profissional não remunerada. Na realidade é um investimento. E você vai receber o retorno desse investimento lá na frente”, explica Murga.

Como todo investimento, é preciso ter um plano e metas. O professor ressalta que ter desenvolvido um planejamento eficiente para sua preparação foi o que possibilitou alcançar um resultado positivo.

O começo da jornada até Brasília

O início do caminho para futuro servidor de Leonardo Murga foi no ano de 2010. Na época, ele não tinha ferramentas de planejamento ou de informação como hoje.

Isso tudo dificultou o processo para o até então administrador de empresas encontrar qual tipo de cargo era mais interessante ou adequado ao seu perfil.

Leo pensou em desistir várias vezes devido aos editais incertos, concursos que não saíam e falta de materiais de qualidade. Porém, na altura de sua decisão, entendeu que precisava ir até o fim.

“Decidi que só sairia da biblioteca nomeado num concurso ou morto – e não, eu não acho saudável fazer ou dizer isso, mas esse era o tamanho do meu foco e do meu comprometimento com meus estudos!”, reforça Murga.

O profissional colecionou diversas reprovações que serviram de aprendizado, até definir um foco e ir até o fim: a área de Controle.

Foco estabelecido, Leo começou o estudo direcionado para esse concurso. Nesse período, chegou a engordar quase 25kg. Mas ele teria o seu momento de recompensa.

Depois de três anos e 10 meses de estudo, sem emprego, lidando com inúmeras questões e desafios, ele finalmente transformou todo o resultado do seu esforço em alegria: foi aprovado como auditor do Tribunal de Contas do Distrito Federal.

Leia também: Como servir e proteger na Polícia Militar

Desenvolvimento da técnica de estudos e planejamento

O estudo para concurso é como um trabalho que precisa ter uma rotina para que você saiba a hora do que fazer, o que fazer e todas as atividades relacionadas.

Hoje, além de auditor do TC-DF, Leo também é professor de cursos preparatórios para concursos públicos e realiza diversas palestras sobre planejamento e métodos de estudos.

Leonardo Murga desenvolveu um método para avançar nos conteúdos dos editais de modo que o estudante consiga atender a tudo sem deixar de revisar.

Quer saber mais sobre esse método?

No dia 25 de janeiro, Leonardo Murga estará no Palestrão Futuro Servidor e ajudará você a se planejar de forma eficiente e realizar um ciclo de disciplinas. Vai ficar de fora?

 


Compartilhe o conteúdo

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *