fbpx

Matemática para concurso do Banco do Brasil

Para muitas pessoas as matérias de Exatas são algumas das mais difíceis dos editais. No caso da Matemática para o concurso do Banco do Brasil, a disciplina aparece em Conhecimentos Básicos e em Conhecimentos Específicos.

No cargo de agente comercial (ou escriturário tradicional) ela é cobrada no formato de Matemática Financeira, enquanto para o agente de TI, a disciplina específica é de Probabilidade e Estatística.

Em Conhecimentos Básicos, os tópicos do edital são os mesmos para os dois cargos.

Segundo o professor da Folha Cursos, Angelo Primo, é preciso observar sempre quem é a organizadora e a matéria que está caindo.

No caso da Fundação Cesgranrio, a banca do concurso, as questões costumam ser de medianas para difíceis, além de misturar os conteúdos nos enunciados.

Na parte de Matemática em Conhecimentos Básicos, com base nos editais anteriores, ele acredita que possam ter três questões medianas, uma difícil e uma fácil. Dessas cinco, o ideal seria acertar quatro delas.

Por isso, até o dia da prova, é necessário praticar com muitas questões, justamente para estar preparado para o perfil da banca.

Concurso Banco do Brasil 2021

O concurso do Banco do Brasil 2021 oferta 4.480 vagas, sendo 2.240 imediatas. Quatro mil delas são para o cargo de agente comercial (escriturário tradicional), sendo duas mil de início imediato.

As outras 480 são para agente de tecnologia (escriturário voltado para a área de Tecnologia da Informação), sendo 240 para início imediato.

Enquanto o escriturário tradicional tem lotação em todos o país, o de TI é para o Distrito Federal. A remuneração é de R$4.508,40, sendo R$3.022,37 de salário-base, R$831,16 de ajuda alimentação/refeição e R$654,87 de cesta alimentação, na forma do Acordo Coletivo de Trabalho.

O regime de trabalho é de 30 horas semanais, na CLT. As carreiras exigem apenas o ensino médio completo.

Matemática para o concurso do Banco do Brasil

Segundo o professor Angelo Primo, a pessoa que fará a prova precisa se preparar para dois cenários: as questões de Matemática serem as mesmas para ambas as provas ou serem diferentes.

Lembrando que Matemática está nos Conhecimentos Básicos dos dois cargos, enquanto o agente comercial terá Matemática Financeira e o agente de TI terá Probabilidade e Estatística, na parte específica.

Se elas forem iguais, situação que considera mais provável, teríamos questões do edital que não teriam relação direta com a Estatística e a Matemática financeira, como:

  • Números inteiros, racionais e reais
  • Problemas de contagem
  • Noções de conjuntos
  • Lógica proposicional
  • Sequências

Ele ainda lembra que a Lógica acabou inserida na Matemática.

Portanto, isso significaria dizer que os assuntos da Matemática associados diretamente a Estatística e Matemática Financeira, poderiam ser cobrados nessas matérias.

> Estude para o Banco do Brasil com a Folha Cursos

Matemática Financeira para o concurso Banco do Brasil

No caso da matéria para agente comercial, se for o caso da prova de Matemática ser a mesma de agente de TI, poderão ser cobrados já em Conhecimentos Básicos:

  • Razões e proporções
  • Divisão proporcional
  • Regras de três simples e compostas
  • Porcentagens
  • Funções exponenciais e logarítmicas
  • Progressões aritméticas e progressões geométricas

Probabilidade e Estatística para o concurso Banco do Brasil

Poderiam compor questões com temas específicos da estatística na parte de Conhecimentos Básicos, assuntos como:

  • Sistema legal de medidas
  • Matrizes
  • Determinantes
  • Sistemas lineares
  • Sequências
  • Progressões aritméticas e progressões geométricas

Se o cenário for de provas diferentes da Matemática de Conhecimentos Básicos para cada um dos cargos, Angelo Primo afirma que os assuntos citados poderiam ser cobrados especificamente em cada uma das provas.

> Curso para agente comercial do Banco do Brasil

> Curso para agente de tecnologia do Banco do Brasil

O que estudar em Matemática para o concurso do Banco do Brasil?

De acordo com os itens do edital, o professor acredita que as cinco questões da prova possam ser de:

  • Lógica Proposicional
  • Números e Sequências (itens 1 e 10 do edital)
  • Relações e funções, funções polinomiais, funções exponenciais e logarítmicas
  • Progressões aritméticas e progressões geométricas
  • Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas e porcentagens

Já em Matemática Financeira, não poderá faltar uma questão sobre juros simples, uma sobre os conceitos gerais, duas sobre juros compostos, como cálculo de juros e tipos de taxas de juros e uma de sistemas de amortização, sendo possível qualquer um dos dois sistemas price ou SAC.

Por fim, para Probabilidade e Estatística, ele aconselha ficar de olho em temas como Teorema de Bayes, Probabilidade condicional e Distribuição binomial e distribuição normal, que cabem perfeitamente duas questões.

Nesta disciplina, Representação Tabular e Gráfica e Medidas de Tendência Central são assuntos que merecem atenção. Nessa parte, ele pede que o candidato fique atento às medidas derivadas da mediana e ao box plot.

Os itens 6 e 10 do edital — População e Amostra e Noções de Amostragem e Inferência Estatística — também requerem que quem for fazer a prova fique atento. Sobre eles, podem aparecer questões sobre os tipos de amostragem.

Outro assunto em evidência é Correlação linear simples, Construção ou Utilização da Reta.

Dicas para a prova de Matemática da Cesgranrio

“Na Matemática podemos ter questões com uma proposta mais elementar de enunciado, do tipo resolva, que seria a simples reprodução de conceitos e fórmulas, até situação problema de forma contextualizada”, explica Angelo Primo.

No entanto, o professor alerta: é importante ter em mente que a Cesgranrio gosta de ver o conhecimento teórico sendo aplicado de forma prática. Por isso, a teoria exige atenção.

O mesmo vale para Matemática Financeira e Probabilidade e Estatística.

Na hora de praticar, o professor ressalta dar ênfase às questões que não são combinadas com a Matemática e as combinadas com a Matemática. Achou esquisito? O professor explica:

“Parece estranho falar em combinação com a Matemática, pois não sendo uma questão teórica, a resolução é Matemática”, afirma. “Porém, existe a Matemática inesperada.”

Por exemplo:

  • usar Logaritmo e Exponencial para resolver uma questão de Juros Compostos.
  • ou Progressões para resolver uma questão de Sistema de Amortização Matemática Financeira.
  • ou até mesmo Sistema de Equações, Sequências, Sistema de Medidas e Porcentagem no caso de questões de Estatística.

Justamente por ter essa demanda mais teórica da Cesgranrio, o professor pede atenção especial ao item de Conceitos Gerais de Matemática Financeira.

Já em Probabilidade e Estatística, à parte de definições sobre os elementos das Medidas de Tendência Central.

Você está estudando Matemática para o concurso do Banco do Brasil? Continue acompanhando o Blog da Folha Dirigida para mais dicas para outras disciplinas e concursos!

Curso para Escriturário Agente Comercial Banco do Brasil

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *