fbpx

5 passos para formação de hábitos para concursos

Compartilhe o conteúdo

Você tem dificuldade de acordar cedo? Ou então não tem força para estudar depois de um dia longo de trabalho? Bem, esse post é para você. Aqui vamos trazer 5 passos para formação de hábitos para concursos!

Bons hábitos nos ajudam a completar nossas obrigações. Em contrapartida, hábitos ruins dificultam demais executar o que planejamos.

Se você deseja passar em um concurso, é necessário compreender que os seus hábitos precisam acompanhar o seu objetivo, segundo as coaches Livia Cavalcante e Celina Chen.

Antes de construir bons hábitos na sua rotina de estudos, primeiro você precisa saber quais são aquelas práticas negativas que você deve se afastar.

Um dos passos da jornada do futuro servidor é ter uma boa formação de hábitos para concursos

Ter bons hábitos é essencial para uma rotina de estudos de sucesso (Foto: Unsplash)

1. Hábitos que o futuro servidor deve fugir

Ter hábitos ruins no seu dia a dia podem ser muito prejudiciais na sua rotina de preparação para concursos. Eles influenciam diretamente no grau de dificuldade que será para você realizar o seu estudo.

Alguns exemplos são:

  • Dormir poucas horas
  • Não beber água
  • Não planejar a sua rotina e atividades do dia
  • Ser sedentário

Além disso, o hábito de ficar horas em mídias sociais como Facebook, WhatsApp e Instagram passam uma falsa ideia na hora de montar um planejamento de estudo.

Isso porque o excesso de tempo que passamos nestas redes, muitas vezes, são parte de um período que deveríamos estar estudando.

Em consequência, o ciclo de aprendizado resultante é menor do que estava programado inicialmente.

Lembrando que isso não quer dizer que não podemos fazer o que gostamos, como ver uma novela, Netflix ou navegar nas redes.

Toda a questão gira no ponto de que devemos ser responsáveis nesse uso para que isso não se torne um hábito recorrente e ruim.

📝 Os 3 maiores inimigos do estudo

2. O planejamento na formação de hábitos para concursos

checklist planejamento

O primeiro passo para desenvolver um hábito é ter um bom planejamento. Nesse caso, existe um longo caminho a ser desenvolvido até a conquista do objetivo final.

O sucesso é resultante da união de um bom planejamento e o seu hábito de executá-lo. O modelo exemplificado pelas coaches Lívia Cavalcante e Celina Chen funciona da seguinte forma:

Possuímos hábitos positivos e negativos

Com a consciência filtramos e realizamos as escolhas (Manter, Eliminar ou criar um novo hábito)

Após a escolha do hábito, desenvolvemos uma nova rotina

Em seguida, um novo comportamento

O que resulta em um NOVO RESULTADO

Estabelecer o planejamento com hábitos positivos torna toda jornada mais agradável e menos desgastante.

Precisamos entender que ausência de tempo, falta de notícias sobre o edital ou autorização, ansiedade e pensamentos negativos só atrapalham uma caminhada correta e próspera.

📝 Como diminuir a ansiedade nos estudos?

3. Ajustando sua rota de formação de hábitos para concursos

Para começar a ajustar a sua rota de planejamento, realize a análise de tudo o que você faz e não faz durante o dia. Separe as ações nos seguintes atos:

  • Atividades que você faz e gosta de fazer.
  • Atividades que você não faz e gostaria de fazer.
  • Atividades que você não faz, mas deveria fazer.
  • Atividades que você faz, mas não gosta de fazer.

Se você colocou estudar na parte que não gosta, mas faz, é preciso de fato mudar essa atitude. Pegar algo da sua programação para fazer com o pensamento de que já não gostamos é muito ruim para dar continuidade ao objetivo traçado.

📝 Como ter rotina de estudos?

Caso o seu estudo esteja metódico, a dica de Celina e Livia é elaborar ele com videoaulas, podcasts, materiais diferentes, ou tentar mudar a sua hora de estudo para manhã ou noite.

Se, por acaso você não tiver muito tempo além da parte do final do dia, altere o tempo de estudo. Compreenda que cada pessoa terá um formato mais agradável de estabelecer sua respectiva rotina.

4. Montando seu próprio planejamento

Não devemos nos basear em planejamentos prontos e sim em montar o nosso próprio laboratório de teste e perceber o melhor formato para que possamos render cada vez mais.

Lembre-se, o programa deve ser trabalhado de acordo com o seu objetivo de passar em um concurso público.

Por isso, é de suma importância encaixar no seu planejamento aquela parte de atividades que você não faz e gostaria de fazer.

Lazer e atividades que possibilitam o nosso bem estar são fundamentais na nossa trajetória de futuro servidor. Pense em você sempre, afinal, uma pessoa estressada não rende nos estudos.

📝 Planejamento Nota 10: como iniciar seu plano para concursos

5. Não esquecer de avaliar seu desempenho após a mudança

Depois de compreendermos os detalhes da formação de hábitos positivos e negativos e realizarmos o ajuste das rotinas para o estudo, é preciso avaliar com consciência se estamos de fato evoluindo.

Utilize exercícios, veja se você se sente menos cansado no dia a dia, acompanhe a sua performance para sempre mudar o que for preciso em seus hábitos.

Montar uma rotina saudável e eficiente depende diretamente da maturidade e experiência de quem o elabora!

No site da Folha Dirigida, por exemplo, é possível encontrar inúmeros vídeos que auxiliam na estratégia de preparação de bons hábitos para um determinado concurso.


Compartilhe o conteúdo

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *