fbpx

FGV: conheça o perfil da banca

Uma das principais organizadoras de concursos do país é a banca FGV. A Fundação Getulio Vargas (FGV) vem organizando concursos grandes e costuma ser comentada pelos candidatos, principalmente sobre a prova de Português.

Nesse post reunimos dicas gerais para você conhecer a banca e saber como dar início aos seus estudos em algumas das disciplinas que mais caem nas provas.

Recado 1: Se você quiser ver alguma dica que não abordamos ainda, deixa um comentário ao final do post.

Recado 2: É sempre bom reforçar que você deve ter atenção sempre ao edital do seu concurso, para saber exatamente quais disciplinas serão cobradas. 

A FGV costuma elaborar questões para provas de diversos segmentos jurídicos, como magistratura, Ministério Público, cargos de delegado e vários outras, além de ser responsável pelo Exame da OAB.

As questões das primeiras fases organizadas pela FGV são objetivas, com provas objetivas que têm entre cinco e quatro alternativas.

Entre os concursos 2020/2021, a FGV já foi escolhida como organizadora do concurso Polícia Civil-RN, assim como o concurso de oficiais da PM-SP e também auditor do TCE Amazonas.

Alguns dos concursos que a banca já organizou foram:

  • AL-RO – 2018 – Advogado
  • Câmara de Salvador – 2018 – Arquiteto
  • Compesa – 2018 – Engenheiro Civil
  • MPE-AL – 2018 – Administrador de Redes
  • TRT-12ª região (SC) – 2017 – Técnico Judiciário – Área Administrativa
  • DPE-MT – 2015 – Assistente Administrativo
  • PGM-Niterói – 2014 – Procurador Municipal
  • TJ-GO – 2014 – Engenheiro Mecânico
  • TJ-RJ – 2014 – Analista Judiciário – Psicologia
  • AL-MT – 2013 – Técnico Legislativo

E se você busca provas anteriores da banca FGV, é só conferir no Folha Questões.

A Fundação Getulio Vargas (FGV) vem organizando concursos grandes e costuma ser comentada pelos candidatos

A Fundação Getulio Vargas (FGV) vem organizando concursos grandes, além da prova da OAB (Foto: Freepik)

Língua Portuguesa para a FGV

Segundo a professora da Folha Cursos, Luciane Sartori, a FGV mudou muito seu estilo nos últimos tempos e tem caminhado fortemente nas questões de interpretação, cobrando assuntos como raciocínios dedutivos, indutivos e conclusivos.

Por outro lado, se na parte de Gramática apareciam mais períodos compostos e conexões, agora são pedidos pontos gramaticais específicos, como regência.

O que a FGV mais cobra em Português?

Com uma tendência cada vez maior a cobrar questões de interpretação, especialmente estruturas textuais, a FGV também requer conhecimento em coesão, coerência e silogismo.

Em Gramática, atenção especial a regência e pontuação, os dois assuntos mais comuns nessa parte da prova.

Raciocínio Lógico e Matemática para a FGV

A caraterística mais marcante da FGV nas provas de Matemática e Raciocínio Lógico são as questões muito bem elaboradas, afirma o professor das disciplinas Thiago Nunes. Em suma, fica bem claro quando está sendo pedido um conteúdo de Matemática e quando a cobrança é em relação ao Raciocínio Lógico.

Por outro lado, o nível de cobrança é bem complexo. Ao não se atentar ao que está realmente sendo pedido, candidatos mal preparados podem cair em pegadinhas. Além disso, dificilmente a banca anula questões.

O que a FGV mais cobra em Raciocínio Lógico e Matemática?

A FGV cobra assuntos bem diversificados. Em Raciocínio Lógico, o professor da Folha Cursos destaca:

  • Proposições
  • Negações e equivalências
  • Associações lógica
  • Tabela verdade
  • Princípio da casa dos pombos

Em Matemática, ele pede que o futuro servidor dê atenção especial a conteúdos como proporção, regra de três e porcentagem, conjuntos e análise combinatória.

Informática para a FGV

Em Informática, a FGV trabalha com o conceito de situações-problema nas questões, explica o professor da Folha Cursos Eduardo Benjamin.

Por exemplo, uma questão poderia ter um enunciado como “Marcos precisa ativar rapidamente o Bluetooth de seu computador por meio do Windows 10. Na tela de configurações, Marcos deve abrir a
configuração de” seguido pelas alternativas.

“Portanto, o candidato deve, nesta situação, usar o seu conhecimento, ou de preferência, a sua experiência de utilização do computador, do sistema operacional Windows e dos aplicativos das suítes Microsoft Office e LibreOffice”, afirma o professor sobre uma possível resposta para a questão hipotética.

Para a prova, é muito importante que o candidato também saiba as configurações dos navegadores e utilizar bem os filtros de busca. Da mesma forma, e as funcionalidades do correio eletrônico e o procedimentos de segurança e proteção de dados.

Quais assuntos a FGV costuma cobrar em Informática?

O professor analisou dez provas de concursos públicos realizados nos últimos dois anos pela FGV na
disciplina informática para analisar os assuntos de maior relevância. Os resultados foram:

  • Internet: 16 questões
  • Correio Eletrônico: três questões
  • Word: 18 questões
  • Excel: 14 questões
  • Excel e Calc: oito questões
  • Writer: três questões
  • Word e Writer: cinco questões
  • Calc: três questões
  • PowerPoint: duas questões
  • Hardware: oito questões
  • Windows: 22 questões
  • Proteção e Segurança: seis questões

O professor também destacou os conteúdos de maior relevância dentro de cada assunto:

  • Sistema operacional Windows: Explorador de Arquivos, nomes de arquivos, extensão de arquivos, Gerenciador de Tarefas, Teclas de Atalho, Visão de Tarefas e configuração de dispositivos.
  • Word e Writer: Quebras de seção, Pincel de Formatação, Controlar Alterações, Localizar Palavras, Tabelas, Modos de Exibição de um texto, Efeitos de testos e Comparativos das funcionalidades entre o Word e o Writer.
  • Excel e Calc: Sintaxes de fórmulas, Funções Proc, Soma, Se, Soma, Cont.núm, Intervalos de dados, Referências de células, Referências a outras planilhas, Formato de arquivo texto CSV (valores separados por vírgulas) e Auditoria de Fórmulas (Detetive no Calc).
  • Power Point: Slide Mestre.
  • Hardware e conceitos básicos de Informática: Unidades de medidas (KB, GB, TB), Drivers, Pixel e Funcionalidade das teclas.
  • Internet e Correio Eletrônico: Filtros de busca, Configurações e características dos navegadores, Cookies, Internet x Intranet, protocolos e funcionalidades do e-mail.
  • Proteção e Segurança da Informação: Criptografia, Firewall, Windows Defender, os mais diversos malwares, Certificação Digital e senhas

Direito Administrativo para a FGV

O professor Vinicius Rodrigues a coloca como uma das cinco maiores bancas do Brasil. “Possui uma das maiores estruturas do país e uma equipe de profissionais de excelência”, sintetiza.

Mas como são as provas de Administrativo?

Igor Daltro, que também é professor de Direito Administrativo da Folha Cursos, explica que é uma banca com enunciados longos, com casos concretos em que cabe o candidato solucioná-los.

Segundo ele, se o aluno já tem conhecimento sobre o tema, já consegue identificar se a hipótese está certa ou errada, ficando apenas entre duas ou três alternativas.

Por isso, ele a considera uma banca mais conteudista. Com poucas pegadinhas, mas que exige um bom grau de conhecimento do candidato.

Vinicius Rodriges também a considera uma banca exigente, que costuma criar casos concretos para que o aluno aplique seus conhecimentos teóricos. Por isso, o treinamento e estudo da banca são essenciais!

O que a FGV mais cobra em Direito Administrativo?

O professor Vinicius destaca entre os pontos com maior incidência de cobrança:

  • Princípios
  • Atos administrativos
  • Licitações e contratos
  • Poderes administrativos
  • Serviços públicos

Já o professor Igor destaca Licitações e contratos e Estatuto como os principais conteúdos. Nesse caso, o candidato deve levar em conta que, se o concurso for federal, estará sendo considerado para o cargo o estatuto federal.

O mesmo vale para os estados e municípios, que têm os seus próprios estatutos que são cobrados em seus concursos.

Direito Administrativo FGV

Mais conteúdos que você pode se interessar:

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Claudia Cristina Ciappina Feijo disse:

    Gostaria de obter uma lista de termos difíceis, ou seja, um glossário de termos usados em provas de concurso de português da FGV, sabe aquele termo que se você não conhece, daí você não consegue responder a questão só porque não sabe o significado, por exemplo “dissuadir”, “prescindir”, “diligência”.

  2. Talita disse:

    quais os principais doutrinadores de cada matéria de Direito a banca costuma adotar?? Isso nos dará um norte para escolher uma doutrina a priorizar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *